TRANSLATE/TRADUTOR

segunda-feira, março 14, 2016

VAI ROLAR: COMISSÃO DO IMPEACHMENT NA CÂMARA SERÁ CONSTITUÍDA NA PRÓXIMA 5A.FEIRA.

O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), disse nesta segunda-feira, 14, que qualquer que seja a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) no julgamento dos embargos de declaração do rito do impeachment, no dia seguinte, quinta- feira, haverá eleição para comissão processante na Casa. "Vamos tocar com celeridade porque temos a obrigação de fazê-lo, até para que não se diga que está obstruindo um processo desse. Esse processo tem que andar, tem que encerrar", defendeu. 
Assim que for concluído o julgamento no STF, a intenção de Cunha é dar um prazo de 24 horas para que os partidos indiquem os nomes que comporão o grupo. Se a Corte alterar o rito e permitir a chapa avulsa, por exemplo, será necessário apenas receber os nomes governistas que complementarão a parte da comissão eleita em dezembro. Caso a eleição da comissão seja na sexta-feira, é possível que ela seja instalada no mesmo dia, quando haverá a escolha do presidente e do relator. "E pode ter disputa", ressaltou. 
Contando o prazo de 10 sessões para a apresentação da defesa do governo e cinco sessões para o andamento dos trabalhos da comissão, o peemedebista voltou a dizer que é plausível o prazo de 45 dias para o trâmite do processo de impeachment. "Da minha parte, a disposição é de tocar com a celeridade que tem que ser tocada depois que o Supremo decidir", completou. 
Cunha explicou que ainda não decidiu se fará sessões às segundas e sextas-feiras para apressar os trabalhos. No entanto, na próxima segunda-feira, 21, haverá sessão em virtude da semana santa, que é mais curta para os parlamentares. "A partir daí, vamos avaliar", declarou. O presidente da Câmara desconversou sobre a possibilidade de se tornar o "vice-presidente da República" em caso de afastamento de Dilma. "Continuarei presidente da Câmara, não estou preocupado com isso", disse. Leia MAIS

4 comentários:

a disse...

Jandira Feghali mostrando como se faz oposição ao governo, SÓ FALTOU UM "FORA DILMA".

https://www.facebook.com/aculpaedofhc/videos/539121636249927/

Maria Teresa Bossa disse...

MENTIRA, ELES NAO VAO FAZER ISSO, É GOLPE , JA ESTAO ATE FAZENDO UM PARLAMENTARISMO COMONISTA,,, IMPEACHEMENT É PRA OTARIO ACREDITAR,,, FFAA SO ISSO MAIS NADA

Paolo Hemmerich disse...

De fato, com a nomeação de Lula para o ministério, só restou o Impeachment, pois a cassação da chapa Dilma/Temer, se sair, será lá por 2030!!!

fred oliveira disse...

O Brasil e' um deboche permanente. Unico pais em que milhoes saem `as ruas para dizer que nao aceita este governo ilegitimo, e nada acontece; as pesquisas afirmam que a grande maioria dos brasileiros nao querem mais o governo, e este fica; a justica tem provas e mais provas contra governantes , e tudo vai em passo de tartaruga; e um acusado de roubo, falcatruas e comando de uma ORCRIM pode virar ministro. Esse pais e' surreal.