TRANSLATE/TRADUTOR

terça-feira, abril 12, 2016

RITO DO IMPEACHMENT JÁ ESTÁ DEFINIDO. REGIÃO SUL INICIARÁ A DEPOSIÇÃO DA DILMA NESTE DOMINGO 17. COMUNISTAS ESPERNEIAM.

Em reunião do colégio de líderes realizada na tarde desta terça-feira, 12, o presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ) definiu que a votação do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff começará às 14 horas de domingo no plenário da Casa. O encerramento é estimado para acontecer por volta das 19h30 do domingo, 17. A chamada começará por parlamentares do Sul e terminará com os das regiões Nordeste e Norte. 
A definição ocorreu após duas reuniões entre Cunha e aliados, uma na última segunda-feira, 11, à noite, e outra nesta terça, no começo da tarde. Ficou definido que serão seguidos os moldes da votação de 1992, no processo de impeachment do então presidente Fernando Collor de Mello. A exceção ficará por conta da ordem de votação. 
Os parlamentares da base governista defendem que a votação siga a ordem alfabética, para evitar a adesão de indecisos ao chamado “voto útil”, mas, a votação será iniciada por parlamentares do Sul, seguidos dos representantes do Centro-Oeste, Sudeste, Nordeste e Norte. O parlamentar que não estiver presente no plenário na hora que for chamado, seu nome será anunciado novamente no final da votação. 
Ao definir o critério regional para a votação, iniciando pelos deputados das regiões em que há maior percentual de parlamentares a favor do impeachment, Eduardo Cunha pretende influenciar os deputados que ainda não manifestaram publicamente seus votos. A intenção do presidente da Câmara é iniciar a votação com a maior quantidade de votos a favor do impeachment justamente para forçar os indecisos a aderirem ao chamado "voto útil". 
A próxima sexta-feira, 15, será dedicada à discussão da matéria. A sessão será aberta às 8h55. Das nove ao meio dia estarão abertas as inscrições individuais de parlamentares que desejem se manifestar no plenário, com 25 minutos dedicados à fala da acusação e o mesmo tempo para a defesa. 
Em seguida é dedicado o tempo de uma hora para cada partido se manifestar, seguindo a ordem de maior para menor bancada. Este tempo poderá ser dividido por até cinco parlamentares de cada legenda. A previsão é que a sessão de seta termine em horário próximo à meia noite. 
A sessão de sábado é retomada às 11 horas, onde será reiniciada a discussão com a manifestação de parlamentares que se inscreveram no dia anterior. Cada um terá até três minutos para se manifestar. 
No domingo, a sessão começa às 14 horas, com a manifestação dos líderes para orientação das bancadas. Em seguida é iniciada a votação. “Há um entendimento de que o parlamentar use o tempo de 10 segundos para encaminhar seu voto”, afirmou o deputado Bruno Araújo (PSDB-PE). Do site do Estadão

7 comentários:

Aqui não, jararaca! disse...

ATENÇÃO! ALERTA GERAL!!!

Gostaria de chamar a atenção para TODOS os Deputados que fizerem parte do grupo que vai, junto com os outros brasileiros honestos, apear esses vagabundos comunistas instalados em Brasília desde 2003: É sério! Sugiro que, em função do caráter beligerante (terrorista mesmo) do chamado "partido dos trabalhadores" e seus asseclas, que sigam em grupo para a votação - não antecipem horário; itinerário e detalhes para ninguém, pois a guerrilha terrorista da esquerda tentará de tudo para impedi-los, com intimidações, agressões e até mesmo com a tentativa de morte. Com comunista não se brinca!!!

Anônimo disse...

AH, É? VEJA, ENTÃO, O QUE O RENAN CALHEIROS ESTÁ PREPARANDO PARA NÓS:


EXCLUSIVO: RENAN PREPARA GOLPE PARA TENTAR EVITAR IMPEACHMENT


Associado à escória petista, Renan Calheiros tenta dar sobrevida a Dilma Rousseff e, assim, evitar o impeachment.

O Antagonista soube que, depois de o impeachment ser votado na Câmara, ele planeja encaminhar ao Supremo Tribunal Federal um pedido de esclarecimento sobre o rito no Senado.

Como não há mais nada a esclarecer sobre o rito de impeachment em ambas as Casas, visto que o STF já o definiu claramente, trata-de óbvia manobra protelatória.

Enquanto Renan Calheiros espera a resposta do STF, Dilma poderá continuar na Presidência. O correto seria Renan Calheiros encaminhar imediatamente a autorização ao plenário do Senado, para que os representantes votassem pelo seu recebimento ou não. Uma vez recebida a autorização, Dilma seria afastada por até 180 dias, a fim de preparar a sua defesa, e Michel Temer assumiria no seu lugar,

Com a manobra, Renan Calheiros, além de impedir a posse de Michel Temer, quer dar tempo para que o PT consiga comprar apoio entre os senadores e evite o recebimento do processo contra Dilma iniciado na Câmara.

Isso, sim, é golpe. Um tremendo golpe na democracia.

Renan Calheiros é um golpista em todas as acepções da palavra.

Anônimo disse...

Não se preocupe, anônimo.. caso elle tente alguma manobra o fim dele estará reservado em Curitiba...

Anônimo disse...

SUPER EDUARDO CUNHA!
Os comunistas certamente perderão a parada, mas não entregam os pontos e só se entregam mesmo no arrocho total, da prensa final, mas enquanto puderem, tentam se manter no poder, pouco se importando como!
Cá prá nós: se não tivéssemos um Eduardo Cunha como é, que veio da malandragem pesada, um outro teria sido deposto do Congresso há tempos, mas passar em cima dele É PARADA TORTA, incl. Renan Calhorda, capacho dos comunistas bem que gostaria por detrás de ver ele fora do Congresso ou na gaiola!
Mas o Cunha,seja como for, É UM MAL NECESSARIO NESSE MOMENTO!
Sò a Fôia de S Paulo e os jornaleiros do PT andam propagando que 65% ou mais querem sua saída - conversa fiada, como tudo deles!
Têm inveja, despeito e odio dele de o PT nada, nadinha conseguir em cima dele!
NÃO ATAQUEMOS O CUNHA- AO CONTRARIO, OBRIGADO, CUNHA pelo que faz contra o PT - seus pecados anteriores estão perdoados!

Ferreira Pena disse...

Vamos varrer a canalha comunista do mapa! Mas depois a guerrilheira tem que pagar por seus crimes, cometidos na destruição do país. E o Lula esse desqualificado, vai ou não vai ser preso? É o meu sonho, enganou milhões de brasileiros por décadas.

Ferreira Pena disse...

Renan Calheiros, como pode tanta gente viver à volta de um homem que cheira mal todo o tempo? É pura carniça, mas o janot parece não sentir cheiro nenhum. Janot é outro que deveria cumprir seu papel com correção, mas parece que não passa de um covarde no lugar errado.

Isabel Martins disse...

Perfeitas colocações. Um mal necessário.