TRANSLATE/TRADUTOR

quarta-feira, março 29, 2017

A NEFASTA AÇÃO ESQUERDISTA PODERÁ DEGENERAR EM GUERRA CIVIL NOS ESTADOS UNIDOS

O artigo que segue após este prólogo é meio longo porém imprescindível para compreender o que realmente está acontecendo nos Estados Unidos depois da eleição de Donald Trump. O escrito, recente, está publicado no tradicional e respeitado site conservador Frontpage. Seu autor é Daniel Greenfield, membro do Shillman Journalism do Freedom Center. Greenfield é um escritor de New York que se dedica ao estudo e análise sobre o radicalismo islâmico.
Neste texto que transcrevo abaixo ele apresenta uma vigorosa análise do que está acontecendo de fato no que concerne à política nos Estados Unidos, principalmente depois da eleição que levou Donald Trump à Presidência, arriscando uma sombria premonição: os esquerdistas que dominam o partido democrata e todo o establishment acenderam o estopim de uma guerra civil.
Vale a pena ler este artigo que jamais será publicado nos veículos de comunicação da grande mídia. Procuro, com este blog oferecer aos estimados leitores justamente aquilo que é escamoteado pela grande mídia. Seria um tolice repetir apenas o que é publicado pela dita mainstream media. Sobretudo no que respeita ao noticiário internacional que mais desinforma que informa realmente o que está ocorrendo. E, no caso norte-americano, o que de fato está acontecendo é lamentavelmente noticiado pelos jornalistas da grande mídia sob as poderosas lentes do esquerdismo delirante. Oxalá fosse apenas delirante. Na verdade todo o noticiário, análises e comentários referentes aos Estados Unidos e Europa veiculados pela grande mídia não refletem a verdade dos fatos. E mais do que isso, levam os leitores e telespectadores a formarem um juízo completamente equivocado sobre os acontecimentos.
Todavia, a verdade dos fatos se impõe. E os fatos não são bons porque podem degenerar numa guerra civil nos Estados Unidos. Dada as dimensões e a importância econômica e geopolítica do gigante norte-americano, a consumação desse funesto prognóstico teria impacto global de devastação incomensurável. 
E, como não poderia deixar de ser, é o totalitarismo ideológico do neocomunismo do século XXI que pode levar ao desastre de uma III Guerra Mundial. Por enquanto essa guerra já existe no plano cultural. Mas como essa estratégia está sendo desbaratada com a ascensão de Donald Trump e com a saída do Reino Unido das garras da União Europeia, a peste esquerdista não hesitará em matar, matar e matar. E a história está aí para comprovar que o esquerdismo consegue ser pior que as piores pestes que já acometeram a humanidade.
Recomendo portanto que leiam o artigo que segue e compartilhem. A informação é a principal arma para evitar o pior. Fiz a tradução do inglês com o apoio de tradutor online e posterior copydesk. Mas meus conhecimentos do inglês não são suficientes para uma tradução de primeira linha. Continuo estudando, mas não é moleza. Leiam:
A GUERRA CIVIL ESTÁ AQUI
Uma guerra civil começou.
Esta guerra civil é muito diferente da última. Não há cargas de canhões ou cavalaria. A esquerda não quer se separar. Quer governar. Os conflitos políticos tornam-se guerras civis quando um lado se recusa a aceitar a autoridade existente. A esquerda rejeitou todas as formas de autoridade que não controla.
A esquerda rejeitou o resultado das duas últimas eleições presidenciais ganhas pelos republicanos. Rejeita a autoridade judiciária da Suprema Corte quando as decisões não estão de acordo com sua agenda. Rejeita a autoridade legislativa do Congresso quando não é dominada pela esquerda.
Rejeitou a Constituição há tanto tempo que dificilmente menciona.
Foi para a autoridade executiva unilateral total sob Obama. E agora cabe aos Estados decidirem unilateralmente quais leis seguirão. (Enquanto isso envolve desafiar as leis de imigração sob Trump, não seguindo-as sob Obama.) Foi para a autoridade sacrossanta do Senado quando ele manteve a maioria. Em seguida, criticou o Senado como uma instituição ultrapassada quando os republicanos assumiram.
Foi para Obama desafiar as ordens dos juízes federais, não importa o quão bem fundamentado na lei existente, e serve para os juízes federais anularem qualquer ordem por Trump em qualquer motivo que seja. Foi para Obama punir os denunciantes, mas agora, para minar o governo de dentro, tornou-se "patriótico".
Não há nenhuma forma de autoridade legal que a esquerda aceite como uma instituição permanente. Só utiliza formas de autoridade seletivamente quando as controla. Mas quando os funcionários do governo recusam as ordens do governo devidamente eleito porque sua lealdade é para uma ideologia cuja agenda está em conflito com o presidente e o Congresso, isso não é ativismo, protesto, política ou desobediência civil; É traição.
Depois de perder o Congresso, a esquerda consolidou sua autoridade na Casa Branca. Depois de perder a Casa Branca, a esquerda mudou seu centro de autoridade para juízes federais e funcionários do governo não eleitos. Cada derrota levou os democratas radicalizados a mudarem de instituições mais democráticas para instituições menos democráticas.
Isso não é apenas hipocrisia. Esse é um pecado político comum. Hypocrites manobra dentro do sistema. A esquerda não tem lealdade ao sistema. Ela não aceita leis diferentes das ditadas por sua ideologia.
LOUCURA IDEOLÓGICA
Os democratas tornaram-se radicalizados pela esquerda. Isso não significa apenas que eles perseguem todos os tipos de políticas ruins. Isso significa que a sua primeira e mais importante fidelidade é uma ideologia, não a Constituição, nem o nosso país nem o nosso sistema de governo. Todos esses são apenas para ser usado como veículos para a sua ideologia.
É por isso que o compromisso tornou-se impossível.
Nosso sistema de governo foi projetado para permitir que diferentes grupos negociassem suas diferenças. Mas essas diferenças deveriam basear-se em encontrar interesses compartilhados. O mais profundo desses interesses compartilhados era o de um país comum baseado em certos valores civilizacionais. A esquerda substituiu essas idéias fundadoras por noções e princípios radicalmente diferentes. Rejeitou a importância primordial do país. Como resultado, ela compartilha pouco em termos de interesses ou valores.
Em vez disso, recuou para enclaves culturais urbanos e suburbanos, onde centralizou enormes quantidades de poder, desconsiderando os interesses e valores da maior parte do país. Se os considera, está convencido de que eles desaparecerão em breve para serem substituídos por imigrantes que se conformam e esquerdistas universitários que formam uma maioria demográfica permanente para sua agenda.
Mas não poderia esperar tanto tempo porque é animada pela convicção de que reforçar suas idéias é urgente e inevitável. E assim transformou o que tinha sido uma transição escondida em uma ruptura aberta.
Na transição oculta, suas figuras de autoridade haviam seqüestrado a lei e todos os cargos políticos que ocupavam para perseguir sua agenda ideológica. A esquerda tinha usado seu vasto poder cultural para fabricar um consenso que estava lentamente transitando o país dos valores americanos para seus valores e agendas. O direito tinha-se revelado largamente impotente diante de um programa que corrompia e subvertia de dentro.
A esquerda teve enorme êxito neste aspecto. Foi tão bem sucedida que perdeu todo o senso de proporção e decidiu abrir suas opiniões e lançar uma luta de poder político depois de perder uma eleição.
Os democratas não estavam mais sendo injetados lentamente com ideologia de esquerda. Em vez disso, a esquerda assumiu abertamente e exigiu lealdade às fronteiras abertas, à política de identidade e ao fanatismo ambiental. O êxodo dos eleitores acabou com os democratas em grande parte do que a esquerda considerou país de passagem aérea.
A esquerda respondeu às derrotas democráticas recuando mais profundamente em instituições não democráticas, seja a burocracia ou a mídia corporativa, ao mesmo tempo que dobra seu radicalismo político. Agora, está desafiando abertamente o resultado de uma eleição nacional usando uma coalizão de burocratas, corporações, funcionários não eleitos, celebridades e repórteres que se baseiam fora de seus enclaves culturais e políticos.
A esquerda respondeu a uma eleição perdida construindo “cidades e estados santuários” transformando assim uma secessão cultural e ideológica em uma secessão legal. Mas enquanto os secessionistas querem ser deixados sozinhos autoritários querem que todos sigam suas leis. A esquerda é um movimento autoritário que quer cumprimento total com seus ditames com punições severas para aqueles que desobedecem.
A esquerda descreve suas ações como princípios. Mas, mais precisamente, eles são ideológicos. Funcionários de vários níveis de governo rejeitaram a autoridade do Presidente dos Estados Unidos, do Congresso e da Constituição porque estes estão em desacordo com sua ideologia radical. Os juízes dissimularam essa rejeição na lei. Prefeitos e governadores nem sequer fingem que suas ações são legais.
As escolhas desta guerra civil são dolorosamente claras.
Podemos ter um sistema de governo baseado em torno da Constituição com representantes democraticamente eleitos. Ou podemos ter um baseado nos princípios ideológicos da esquerda em que todas as leis e processos, incluindo as eleições e a Constituição, são folhas de figo para reforçar a justiça social.
Mas não podemos ter ambos.
O QUE PODE ACONTECER?
Algumas guerras civis acontecem quando um conflito político não pode ser resolvido no nível político. Os realmente maus acontecem quando um conflito político irresolúvel se combina com um conflito cultural insolúvel.
Isso é o que temos agora.
A esquerda deixou claro que não aceitará a autoridade legítima do nosso sistema de governo. Não aceitará o resultado das eleições. Não aceita essas coisas porque estão em desacordo com sua ideologia e porque representam a vontade de grandes porções do país que desprezam.
A questão é o que vem a seguir.
A última vez em torno de tensões crescentes começou a explodir em confrontações violentas entre extremistas de ambos os lados. Esses extremistas foram elogiados por moderados que integram seus pontos de vista. O primeiro presidente republicano foi eleito e rejeitado. As tensões políticas levaram ao conflito e depois à guerra civil.
A esquerda não acredita na secessão. É um movimento político autoritário que perdeu a autoridade democrática. Há agora uma luta de poder político em andamento entre os funcionários democraticamente eleitos e o mecanismo antidemocrático de governo auxiliado por um punhado de juízes e eleitos locais.
O que isso realmente significa é que existem dois governos concorrentes; O governo legal e um anti-governo traidor da esquerda. Se este conflito político progride, as agências e indivíduos em todos os níveis de governo serão convidados a demonstrar sua fidelidade a estes dois governos concorrentes. E isso pode transformar-se rápida e explosivamente em uma verdadeira guerra civil.
Não há sinal de que a esquerda entenda ou esteja preocupada com as implicações do conflito que iniciou. E há poucos sinais de que os democratas entendam adequadamente a estrada perigosa que a esquerda radical está atraindo para eles. A esquerda pressupõe que os vencedores de uma eleição democrática recuarão, em vez de ficarem sob sua autoridade. Não está preparada para a possibilidade de que a democracia não morra na escuridão.
As guerras civis terminam quando um lado é forçado a aceitar a autoridade do outro. A esquerda espera que todos aceitem sua autoridade ideológica. Os conservadores esperam que a esquerda aceite a autoridade constitucional. O conflito ainda é político e cultural. Está sendo travado na mídia e no governo. Mas se nenhum dos lados retroceder, então ele vai além das palavras, pois ambos os lados dão ordens contraditórias.
A esquerda é um movimento traiçoeiro. Os democratas se tornaram uma organização traiçoeira quando caíram sob a influência de um movimento que rejeita nosso sistema de governo, suas leis e suas eleições. Agora sua traição está chegando à tona. Eles estão envolvidos em uma luta pelo poder contra o governo. Isso não é protesto. Não é ativismo. A velha traição dos anos sessenta chegou à idade. Uma guerra civil começou.
Este é um conflito primordial entre um sistema totalitário e um sistema democrático. Seu resultado determinará se seremos uma nação livre ou uma nação de escravos. Click here to read the original in English

27 comentários:

Valter disse...

Excelente Artigo.
A não aceitação do resultado das eleições leva a um beco sem saída.
Ao menos sem saida convencional, onde um lado negocia seus pontos de vista com o outro visando chegar a um consenso. Aí, carissimo Aluizio, só resta a ruptura do qual fala o artigo.

Anônimo disse...

AS RAPOSAS COMUNISTAS QUEREM VENCER SEMPRE, POUCO SE IMPORTAM DE COMO!
Os anarquistas comunistas são grupos mafiosos que se apossam do poder por meio de fraudes e trapaças de toda a natureza, como em eleições e são naturalmente terroristas, adeptos do "quanto pior, melhor"!
No caso USA, querem tentar travarem o governo Trump, mas ele os enfrentará, seja como necessitar!
COMO O REGIME DELES É UMA DESGRAÇA TOTAL - confiram que porra virou a Venezucaralho, o Maduro está apelando por ajuda da ONU por desabastecimento geral - e a praga desse regime leva o caos por onde se instala, infalivelmente!
Uma tem de estar certo: se necessario, enfrentar eles, dê o que der, pois se dominarem à força, escravizam a todos, virando lacaios do regime, como nos gulags Cuba, Coreia do Norte, fracassos totais comunistas!
Pior: são aliados doutros iguais, os mesmos desde o tempo de Cleópatra, os assassinos muçulmanos, que nunca progrediram até hoje!

Cactus disse...

.
Tem um jornalista vagabundo da rádio Jovem Pan (Pã é um deus pagão) de nome Ulisses, enviado "especial" da Inglaterra, que disse agora a pouco, que o Brexit só está causando problemas para o país, que este país está sendo considerado de exemplo de erro para os outros países europeus, que seus habitantes estão apreensivos com a saída do bloco, que mesmo os que votaram pela saída não estão entusiasmados, que a inflação aumentou, a libra caiu, como se tudo estivesse um caos no país. É um desinformante vagabundo, que não prova nada do que diz, de um rádio decadente, que possui no seu quadro outros desinformantes vagabundos da pior espécie, como Caio Blinder (Estados Unidos) e Reinaldo Azevedo (Brasil), que não precisam de apresentação...
.

Cactus disse...

.
A idiotia continua a todo vapor:
.
O sistema digital de tevê - eu não tenho este lixo de eletrodoméstico - não cobra dos pobres, incluindo os recebedores de bolsa família, o aparelho conversor, ou seja, é de graça. De graça coisa nenhuma!, quem paga são os outros, que acabam por adquirir com preços mais elevados para cobrir a diferença, ou paga mais impostos, nada é de graça, assim como, da mesma forma existe a instalação de Wi-fi gratuito pela cidade, forçando a população possuir telefones celulares idiotizantes. Nós trouxas pagamos tudo e o governo diz que não tem dinheiro para nada, motivo para aumentar os impostos.
.
Mas por que é importante este sistema digital?
Resposta: porque tudo tem que ser controlado pelo governo, a chegada da besta está próxima, segundo as Escrituras, e este elemento precisa de monitoramento de toda a população com câmeras por todos os lados - do inferno ele pode ver tudo. Então, esses
canalhas, que venderam a alma ao diabo, irão periodicamente fazer atualizações neste conversor e a tevê virará um verdadeiro "Big Brother" dentro das casas, ou uma "Supernanny", programas que fazem as famílias se acostumarem com a ideia da intromissão, porém usando-se para isso o "belo" nome picareta de "interativo".
.

Anônimo disse...

Que Deus proteja Trump e as Américas. Estamos todos no mesmo barco.

Anônimo disse...

Lamentável. Deveras lamentável.
Em parte, isso é bom. Estão se expondo e dando ao mundo a chance de conhecê-los de verdade.
Quem são os radicais? Quem são os intolerantes? Quem são os segregacionistas? Quem são os preconceituosos?

Cavalaria Ligeira



Anônimo disse...

Excelente artigo. O mesmo está acontecendo no Brasil. Porque Olavo de Carvalho não comentou isso no seu hangout com Carla Zambelli e Lobão? Porque Olavo, que costuma ser direto e claro, não expôs claramente Lobão e Carla, Bia Kicis e Joice Hasselman como agentes do socialismo fabiano? Pelo contrário, Olavo disse que confia na sinceridade destas pessoas. Logo, nós passamos a desconfiar do Olavo, pois está na cara que Lobão, Bia Kicis, Carla Zambelli, Joice Hasselman, etc trabalham para o socialismo fabiano. No hangout, Carla disse que os petistas migraram para o movimento intervencionista e estão apoiando a intervenção. E Olavo não comentou nada, ou seja, deixou Carla falar esta barbaridade e consentiu tacitamente. Petistas no movimento intervencionista? E Olavo não disse nada!!! E ainda disse que confia na sinceridade de Carla?! Olavo, não precisa cuspir nos Ministros do STF, como vc disse no hangout, basta expor as barbaridades que as pessoas falam no hangout na sua cara. Caso contrário, todo seu trabalho reputado como muito sério até o momento, perderá a credibilidade. Há duas opções, Olavo: ou não faz hangout com socialistas fabianos ou expõe as barbaridades que eles fazem e falam com clareza. Não basta dizer de forma genérica: as lideranças enganaram o povo, sendo que as lideranças que enganaram o povo estão conversando com você no hangout. Dê nome aos bois como você costumava fazer: as lideranças que enganaram o povo são: Joice, Carla, Lobão, Bia, etc. Os seguidores de Olavo ficaram decepcionados ao ver o mestre fingindo que as pessoas do hangout não são as lideranças fabianas e enganadoras. Falou de lideranças secundárias como Kim Kataguiri e Fernando Holiday, muito menos expressivas. Faltou coragem ou perdeu a noção de quem são as lideranças fabianas? Ensinou sobre o Fabianismo e não os reconhece quando estão diante da sua cara?

Anônimo disse...

Estamos no inicio do século XXI, é sabido que mais de 300 milhões de pessoas foram simplesmente eliminadas por essa ideologia nefasta, há historiadores sérios que falam em mais de 500 milhões de mortos pela socialismo/comunismo travestido de igualdade. Parece que ainda não foi o suficiente.
Incontestável:
http://www.youtube.com/watch?v=UqSmVJEIL0Q

Que escolas falam sobre O "Holocausto Ucraniano”, o massacre do povo ucraniano por Stalin ?

http://www.mises.org.br/Article.aspx?id=1046"Normalmente é dito que o número de ucranianos mortos na fome de 1932-33 foi de cinco milhões.  De acordo com Robert Conquest, se acrescentarmos outras catástrofes ocorridas com camponeses entre 1930 e 1937, incluindo-se aí um enorme número de deportações de supostos "kulaks", o grande total é elevado para entorpecentes 14,5 milhões de mortes.  E, mesmo assim, se apenas 1% dos alunos do ensino médio já tiver ouvido falar sobre esses eventos, isso já seria um pequeno milagre."

Seria e o Holocausto Comunista menos mortal que o genocídio nazista?
Lênin e Stalin só na Rússia,mataram mais de 100 milhões, como denunciou um politico russo

https://www.youtube.com/watch?v=fYLStidwXWA

E Fidel Castro, o ditador sanguinário de Cuba, mesmo morto ainda é chamado de LIDER pela grande mídia apesar de ter deixado, como outros ditadores um rastro de sangue em nome da sua“IGUALDADE”.

O desconhecimento da História é o caminho promissor para tragédias. Vejam os vídeos e repassem esses fatos históricos.

Anônimo disse...

E os gaúchos parem que não aprendem, porque se calam?

"Uma data que vai entrar para a História da infâmia no Rio Grande do Sul"

"28 de janeiro de 2017, uma data que vai entrar para História da Infâmia no Rio Grande Sul - Uma juíza gaúcha chamada Andreia Terre do Amaral diz que "não cabe ao Judiciário interferir na decisão da ALERGS", rejeita a petição de dois advogados gaúchos e uma ABERRAÇÃO MORAL E CÍVICA, um CUSPIDOR COMUNISTA, um VENCEDOR DO PROGRAMA MAIS NOJENTO E PODRE que já surgiu em toda história da Televisão Brasileira - Deputado Jean Wyllys, do PSOL - recebe a mais alta condecoração do Rio Grande Sul - a Medalha da Revolução de 1835, a "Medalha do Mérito Farroupilha"

Deus que me perdoe - eu tenho VERGONHA de dizer que sou do Rio Grande do Sul.

Sofrimento dos Novos Médicos

Eu tenho visto colegas recém-formados, médicos jovens, desesperados com o Mercado de Trabalho e com a Residência Médica no Brasil. Isso é o resultado do trabalho contínuo, da ação permanente de uma tríade, de uma gangue de VAGABUNDOS que envolve Médicos Comunistas dando aulas nas Faculdades, Empresinhas e "Cooperativas" de fundo de quintal Corruptas e um Governo Brasileiro associado ao Foro de SP e ao Tráfico de Cocaína. Primeiro esta gente criou um MONSTRO chamado SUS. Agora vão terciarizar esta aberração - vai ser o primeiro caso de "Sistema Único e Terciarizado" do planeta...

Pelo sofrimento que estes meus colegas mais novos estão passando, eu juro - EU VOU LIQUIDAR COM VOCÊS nas Redes Sociais, imprensa, em qualquer lugar que eu puder. O lugar de vocês é em CURITIBA ...Eu vou estar sempre ajudando vocês a chegarem lá !"(Milton Simon Pires)

Do:
http://www.alertatotal.net/2017/03/uma-data-que-vai-entrar-para-historia.html

Anônimo disse...

A esquerda americana está esperneando para sobreviver. E não vai sobreviver. O Trump já cortou e vai continuar cortando as fontes de financiamento em diversas áreas, principalmente, ambientais e fazer uma faxina na administração pública. Está só no inicio. A mídia esquerdista foi totalmente desmoralizada, sites conservadores começam a tomar conta do noticiário. É uma reação em cadeia. Aqui mesmo, no Brasil, os esquerdopatas da imprensa estão tentando mudar a narrativa dizendo que os protestos do dia 26 foram atos contra Temer. Eles não tem mais argumentos. Agora é cortar a fonte de renda pública desses comunas.

Anônimo disse...

Os 8 anos do vagabundo Obama arrasaram os EUA, pois o cara é especilaistas em promover a agenda comunista das Lutas de Classes, dessa forma, disseminar o odio e desavenças internas e chagar aonde os comunistas travestidos de democratas necessitam: o caos total!
Se dependesse de mim, em ambas vezes não teria sido eleito!

Anônimo disse...

Hangout de resposta a Carla Zambelli, que chamou de desonestos os intervencionistas, na cara do Olavo, e o Olavo se calou, apenas falou de lideranças genéricas que enganaram o povo. O Hangout se chama "Resposta a Carla Zambelli", mas deveria se chamar "Resposta a Olavo de Carvalho", pois todos sabemos quem é Carla Zambelli, menos Olavo de Carvalho, o qual está mal informado ou mal intencionado. 1h36min de hangout explicando a Olavo quem é Carla Zambelli. Precisa desenhar, Olavo? Carla Zambelli chama de desonestos os intervencionistas e Olavo não percebe e não comenta?

Resposta a Carla Zambelli
4 USA Florida
https://www.youtube.com/watch?v=pVE9cIK28iI

Anônimo disse...

Sobre o comentário "Resposta a Carla Zambelli", postado acima. Vale lembrar que ela também disse que os petistas migraram e se infiltraram nos movimentos intervencionistas. Ao chamar os intervencionistas de infiltrados e desonestos, ela fala claramente de si mesma e de seus colegas, inclusive o Lobáo. Ela aplica os ensinamentos de Lenin: acuse-os do que você faz, chame-os do que você é. Realmente, como observou o comentarista, isto não nos surpreende vindo de Carla. A grande surpresa foi Olavo aceitar fazer hangout com Carla e Lobão, cujos atos até ontem comprovam que são fabianos, e Olavo ouviu estas barbaridades e silenciou. Olavo foi a grande surpresa do hangout. Receamos que, em breve, Olavo vai fazer hangout com FHC, Kim Kataguiri, Dória e Reinaldo e elogiá-los, dizendo que confia na sinceridade deles, como disse para Carla, Lobão e mencionou Bia Kicis. O próprio Olavo destruindo sua credibilidade. Quem acredita na sinceridade de Carla Zambelli não merece confiança nem respeito.

Morane disse...

Caminho sem volta, pois os chefões da direita são esquerdistas disfarçados.

Anônimo disse...

O Olavo chegou numa fase , aquela do velho GaGa taradinho que não pode ver uma balzaquiana que fica todo assanhadinho e galanteador e serelepe , vide bia , Carla joyce

Anônimo disse...

Muito didático e claro, além de corajoso. Agora, deve o presidente eleito democraticamente, " negociar" com aqueles que não aceitam a decisão eleitoral? Não há como.Suspeito que estejamos nos estertores destes traidores psicopatas.Eles não querem negociar, não querem aceitar, não querem compreender, só querem mandar. É o poder pelo poder. Igual ao que ocorre aqui, não aceitam nada que não seja o que proclamam e regras, só as de suas agendas. Pressinto que algo bem grande esteja prestes a ser revelado pelo Trump e este algo grande deva ser sobre o governo secreto que está, obviamente por detrás de toda esta agenda. Se Kennedy foi morto por querer tirar das mãos deste governo paralelo o Fed. Pressinto que a revelação bombástica que fará tremer a economia mundial seja oriunda de descobertas sobre como funciona o sistema econômico nos USA; A guerra, para mim, portanto, trata-se de deslegitimar o presidente antes que ele abra a caixa de Pandora, dos banqueiros Bilderberg. com as consequentes avalanches no cenário econômico mundial.Sintomático que Putin tenha expulsado os tais da Rússia, que suspeita-se que a cara feia de Trump perante Merkel seja por que ela queria Trump como aliado para se livrar dos banqueiros que ameaçavam a Alemanha, logo ela que abriu a Alemanha e a submeteu a agenda iluminati globalista com as nefastas consequências. Logo, para mim a guerra não é ideológica, embora para muitos idiotas úteis assim seja, mas puxando as cordinhas estão os Bilderberg. Que Trump abra tudo que puder e logo ao conhecimento da opinião pública e não só americana uma vez que os malditos iluminatis tem tentáculos em todas as nações. É o último grito antes da morte destes desumanos.E o grito se fez estridente agora por lá.Os segredos e a agenda de morte a humanidade, os crimes de lesa humanidade são gravíssimos e além do mais, creiam ou não, envolve bem mais que humanos, envolve até seres estelares que estão protegendo Trump, e até Putin em certo sentido, e é interessante como a desinformação e deseducação da humanidade sempre teve as mãos daqueles que não queriam amplitude de informação e conhecimento de nossas origens, Historia, e civilizações. Espero que tudo nos venha a conhecimento o mais cedo possível, embora muitos fiquem temerosos com o conteúdo das informações que mesmo a midia nacional maldita não conseguirá encobrir e terá, será obrigada, a veicular.

Fran disse...

E a agenda comuna agindo por dentro dos EUA.

Anônimo disse...

Os comunas lá agindo pir DENTRO dos EUA.

Anônimo disse...

Caro Sr Aluísio, que maravilhoso prólogo. Muito agradecida pelo esmero com que brinda seus leitores.A Lucidez, o empenho em excelência, a correção da informação, brinda sua carreira jornalística e é sempre um prazer vir a este blog. Como será bom, que toda a mídia venha um dia a ter o quilate de jornalistas conforme demonstra sua honestidade de propósitos, com tal categoria.Obrigada, Muito e um caloroso e virtual abraço.
Eliana
É por tais pessoas como o senhor, que o mundo se mantém lúcido diante deste trânsito enlouquecido de mentes delirantes.

Davi Abreu disse...

Todos os movimentos e partidos de esquerda precisam ser criminalizados em todo o mundo. É preciso eliminá-los em campos de concentração, queima-los, exterminá-los como a praga que são. Não há outra maneira, ou é isso ou o inferno se assentará na Terra para todos.

Anônimo disse...

Artigo excelente, como sempre. Vou compartilhar no Facebook - muitas pessoas precisam saber o que realmente se passa nos EUA. O comunismo conquista as minorias que se julgam injustiçadas, com suas promessas ideológicas que são passíveis de execução apenas na teoria. Na prática transformam países antes prósperos e bem estruturados em países destruídos culturalmente, economicamente e na infraestrutura. Os exemplos mais recentes são Cuba e Venezuela. Os esquerdistas sofrem de uma doença mental que os impede de ver a realidade. DEPOIS VÃO CHORAR LÁGRIMAS DE SANGUE, COMO HOJE CHORAM OS VENEZUELANOS.

Antipríncipe disse...

Se houver uma guerra civil nos Estados Unidos já prevejo que os esquerdistas serão o lado perdedor. Por uma simples razão: eles não conseguirão atrair para si setor algum das forças armadas. Tenho certeza que, na hora h, marinha, exército e aeronáutica se somarão ao lado patriótico.

Anônimo disse...

Particularmente acho muito difícil porque a maioria está contra a esquerda, mas não será impossível se eles receberem ajuda externa e só se for da China porque a Rússia se alinhou tanto a Trump que agora os comunista estão tentando sabotar Putin de qualquer jeito, o cara que eles "idolatravam" na era Obama. Essa é a esquerda não tem valor nenhum só quer tornar todos os escravos!
Trocaram o rock pelo funk/rap, os gayzistas pelo islamistas, o catolicismo pelo islã.
Pregam o ateísmo mas querem ser deuses, defendem o trabalhador sem trabalhar, o estudante sem estudar e só aceitar mudar se for para o lado deles.
Como sempre digo, eles são os novos Thules e com certeza ainda vão levar o mundo para o apocalipse se não forem contidos.

Histórico disse...

"com certeza ainda vão levar o mundo para o apocalipse se não forem contidos" E devem ser contidos nas escolas, nos colégios e nas Universidades. Por conseqüência nos meios de comunicação. Essa é a luta.

Anônimo disse...

Eles pedem, imploram para serem contidos. Esta é a constatação. O agressor quando não opressor vai ao papel a vítima, tal a bipolaridade dos de mente comunista.Vejam o padrão de alternância emocional, com o discurso de vitimização. Querem ser contidos para justificarem o jogo contínuo de poder, surfando na bipolaridade.

De todo modo, não podemos mais ser ameaçados pela insanidade prepotente.É questão de termos firmeza. Não há mais dúvidas , mediante a arrogância e o descompromisso com que evocam uma guerra civil, com invasão de prédios públicos e rodovias, estradas, e badernas. Com Boulos convocando ás armas, quando sabemos que o Mst foi treinado por agentes venezuelanos, com o PCO(ou que diabo seja a sigla partidária), pedindo desobediência civil e escudo de centenas contra a PF e a prisão de Lula. https://www.youtube.com/watch?list=PLnJLdL-he_KieHWBcfIn8hR-6Cura5YTz&v=NWdW7vw_K3w
Deputado petista na tribuna pedindo guerrilha e não há uma atitude prontamente corretiva do TSE.
Não há mais como se encontrar uma solução alternativa.Se nos USA, se tem como comando dos fantoches globalistas, esta esquerda desvairada e histérica totalmente dopada para reflexão, aqui se tem, ao que parece o último bastião do comunismo e a batalha me parece feroz. Antes que a situação se degrade ainda mais, é necessária sim, medidas graves, urgentes, uma vez que até mesmo a Força Tarefa da Lava Jato está ameaçada de extinguir-se.

Anônimo disse...

Putin, como todo comunista, pode estar fazendo jogo duplo, e os Estados Unidos sabem disso - o que pode estar acontecendo é que, no momento, pode ser interessante não confrontar os russos agora - mais adiante pode ser que as coisas se invertam - quem tiver mais cartas na manga vencerá, simples assim...

Terezinha disse...

Cadê manifestação protestando contra legalização do aborto e ideologia de gêneros? Cadê o povo clamando ao Senhor Jesus Cristo que é o único que pode salvar o Brasil? O povo precisa acordar espiritualemnte!