TRANSLATE/TRADUTOR

terça-feira, junho 19, 2018

ENQUANTO CORTA O CABELO EM CASA, BOLSONARO FALA AOS ELEITORES EM VÍDEO. CONFIRAM.

O pré-candidato presidencial Jair Bolsonaro fez uma transmissão online pelo Facebook enquanto cortava o cabelo em sua residência. Sim, o presidenciável confessou que decidiu chamar o barbeiro em sua residência por motivo de segurança além de economizar o tempo gasto no trânsito para chegar à barbearia e lá esperar a sua vez de cortar o cabelo.

Neste caso, decidiu ocupar o tempo para conversar com os eleitores analisando diversos aspectos do Brasil no que tange por exemplo às questões que vão da economia, à educação, à segurança pública e à sua pré-campanha presidencial.

Em sua alocução Bolsonaro não faz discurso, mas conversa diretamente com os eleitores, de forma coloquial, sem maiores delongas, completamente diferente dos demais candidatos. Por isso, recomendo que tirem um tempinho, uns 30 minutos, para conhecer mais de perto o que pensa afinal Jair Bolsonaro sobre as principais questões que mais preocupam os brasileiros.

ONU, UNIÃO EUROPÉIA, MÍDIA, TODOS JUNTOS E MISTURADOS NA 'DIVERSIDADE' BUNDALELÊ PROMOVEM A MORTE DO OCIDENTE E DA NOSSA LIBERDADE. HORA DE REAGIR!

Quando a noite chega, ainda mais aqui neste Sul friorento, resplandece nas janelas de todas as casas e apartamento aquela luz emitida por aparelhos de televisão. Todos grudados da TV. Agora em telas de alta tecnologia. À medida em que em que a tecnologia avança o dito "maldito capitalismo" permite a qualquer dos mortais possuir esses aparelhos seja numa mansão, num luxuoso apartamento ou numa casinha de sapé rodeada de esgotos a céu aberto.

Conclui-se daí que todas as classes sociais são submetidas a uma perene lavagem cerebral de viés esquerdista onde o politicamente correto dá o tom para qualquer assunto, embora o destaque seja para o "empoderamento" das mulheres, negros, quilombolas mendigos, cheiradores de craque, assassinos e assaltantes. Num outro patamar esse tal "empoderamento" tem como alvo os ditos no passado "ladrões de colarinho branco", o jet set, aqueles que aparecem em colunas sociais e volta e meia no noticiário político-policial.

Em síntese é o que mostra a televisão, mas não só ela, mas também o restante dos veículos da grande mídia. Todavia é a televisão o veículo de maior alcance pois não exige que o telespectador seja alfabetizado.

Desta forma é que a famigerada Agenda 2030 da ONU é disseminada. Os tecnocratas da ONU desejam mudar o mundo, embora nunca perguntaram para as pessoas se elas desejam isso. E nada melhor do que a televisão que abrange todas as classes sociais para empurrar esse troço.

Nunca é demais lembrar que foram os governos militares que disseminaram a televisão no Brasil. Antes do período de governos militares a televisão ficava circunscrita às grandes cidades brasileiras, poucas. O diabo é que os militares não controlaram quem iria trabalhar nas televisões. Como os comunistas já tinham o controle dos jornais e revistas não foi difícil dominar as redações das televisões que se espalharam pelo Brasil.
A FAMIGERADA AGENDA
A agenda 2030 da ONU é uma espécie de "bíblia" do pensamento dito "politicamente correto", na verdade a difusão de um novo idioma, já que muitas palavras passaram a ter outro sentido, outra conotação. "Diversidade", por exemplo, quer dizer não existe mais os dois sexos definidos pela natureza, o masculino e o feminino. Neste caso a instituição do casamento não é mais a mesma, podendo ser transexual e aí chega-se a mais um novo conceito: "ideologia de gênero". Quem faz a maior divulgação de todas essas aberrações são as televisões em primeiro lugar, depois as escolas e universidades. Outra coisa incrível é que as decisões dos tecnocratas da ONU que não passam pelo crivo do parlamento de cada país membro acabam tendo força de lei fazendo tábula rasa do Direito Internacional porquanto burla o conceito de independência das Nações.

Resumido, para não alongar demais este artigo, é isto que está acontecendo. Mas a questão é complexa demais para se parar por aqui. Nos cérebros dos mais desavisados surge então uma indagação: mas por que estão fazendo isso? Ora, para destruir a  denominada "matriz cultural" judaico-cristã, o fundamento da nossa civilização ocidental. E por que querem destruí-la? - pergunta um incauto. Porque alguns filósofos marxistas (comunistas) chegaram à conclusão que a dificuldade em comunizar o Ocidente decorreu sempre e justamente dessa matriz cultural judaico-cristã que acabou dando o formato cultural e religioso para o mundo Ocidental, os costumes, as crenças, que foram evoluindo e se cristalizaram no Direito Racional, previsível, fundado na máxima que todos são iguais perante a lei, que todos têm direito à liberdade respeitando-se a liberdade do outro.

Em suma, em sua evolução só o Ocidente liquidou as tiranias, inventou o Estado laico e as liberdades política e religiosa. Separou o Estado e religião, fato que não acontece por exemplo nos Estados islâmicos e em praticamente em todas as sociedades afro-asiáticas.

Esse conjunto de valores, crenças e costumes que tipificam o Ocidente é que têm impedido ao longo da história que as tiranias como o comunismo e suas variantes nazismo e fascismo, lograssem alcançar o poder político absoluto. Haja vista que o comunismo russo foi para o vinagre.

Alguns teóricos marxistas chegaram à conclusão que para derrubar o capitalismo, a democracia, seria preciso detonar a matriz judaico-cristã. E é isso que estamos vendo acontecer. Numa espécie de junção entre os interesses dos comunistas e dos globalistas (globalismo é novo conceito que define grosso modo a ação de grupos globais pelo domínio político, econômico e social de todo o planeta). Não se trata de "globalização", já que esta circunscreve-se à ação econômica e de mercado e que permite amplo acesso e circulação de bens de consumo, como os aparelhos de televisão...infelizmente.
SOLAPANDO A CULTURA OCIDENTAL
As duas mega organizações que se empenham em solapar a Cultura Ocidental tendo em vista uma tirania global são a ONU e a União Europeia, tendo a elas atrelados os ditos "blocos econômicos", como Mercosul, Nafta, TPP, OEA e até a tal de Unasul cuja sede está em Quito, Equador, e que reúne os ditos Estados bolivarianos (eufemismo para o comunismo) e o Brasil faz parte.

Retomando o que expliquei mais acima, a Agenda 2030 da ONU é a mais avançada ação de demolição da Cultura Ocidental tendo em vista obtenção de um consenso global. Como há núcleos de oposição, os globalistas decidiram então promover uma verdadeira lavagem cerebral como nunca se viu antes pois chegaram à conclusão que só destruído a nossa matriz cultural judaico-cristã será possível controlar todo o planeta, como pretendiam e pretendem os comunistas de ontem e de hoje.

Aliás, são eles que fornecem a tecnologia, a partir das universidades, para a elaboração e aplicação da Agenda 2030.
A FUNÇÃO DA MÍDIA
A operacionalização desse projeto medonho se faz principalmente pela grande mídia em primeiro lugar, pelas escolas desde o jardim de infância até a universidade bem como pelo show business (televisão, cinema, teatro e, mais recentemente pela internet, sobretudo pelas redes sociais).

Entretanto, o principal veículo de comunicação, como afirmei no início, continua sendo a televisão pela sua larga abrangência que alcança até os analfabetos.

Finalmente, os principais operadores na difusão dessa Agenda bundalelê da ONU são os jornalistas, especialmente das grandes redes de TV, como aqueles pilantras da Rede Globo. Do show business destacam-se autores e artistas de novela que, como os jornalistas, são cevados por caraminguás estatais como bolsas de estudo no exterior, notadamente em órgãos da União Europeia, da ONU e organismos multilaterais análogos.

As Universidades brasileiras já estão cheias dessa gentalha. É só dar uma olhada. Quem são os estudantes de Mestrado e Doutorado aqui e no exterior e quais são os temas que desenvolvem em suas teses e dissertações?

O que discorri nesse superficial artigo é o que de fato está acontecendo. Portanto, resistir é preciso. Façam como eu. Contestem, desafiem, denunciem a vagabundagem politicamente correta. Eles estão principalmente na mídia, nas universidades, mas também estão por aí, nas ruas, nos shoppings, nas lojas, nos cinemas, andando de bicicleta em cima de calçadas de pedestres, levando cachorro para passear em shoppings. Normalmente andam com roupas exóticas e cabelos pintados, usam muita tatuagem, piercings. Mas tem muito politicamente correto que veste roupas normais. Até parecem normais, mas se revelam pelos assuntos que abordam quando não admoestam o interlocutor com os preceitos da ditadura da ideologia do politicamente correto. Quando fizerem isso com você, mande o distinto tomar...caju!

Resistir é preciso, é urgente!

segunda-feira, junho 18, 2018

BRAZILLLLLLLLLLL!!!!

O pessoal é criativo. E não perde tempo. 

QUANDO O 'HOMEM DO TOPETE' MANDA VER LEVA OS ESQUERDISTAS A TER ATAQUES HISTÉRICOS


Constatei que neste final semana a revista Veja deu na capa uma matéria que tenta levar a crer que o ditador comunista da Coréia do Norte deu um olé em Donald Trump. Depois acusam as redes sociais como produtoras de fake news. Além disso uma das maiores usinas de fake news do Brasil resolveu criar uma agência de fact checking, intitulada Agência Lupa. Trocando-se o P pelo L descobre-se tudo...

Pois bem. Nada melhor do que se conhecer uma série de fatos a respeito do Presidente Donald Trump para clarear o ambiente midiático. Foi o que fez a competente Embaixada da Resistência na sua página do Facebook por meio de um vídeo com o qual ilustro esta postagem.

Vale a pena ver. Curto e grosso, como se diz na gíria. E com legendas em português. Não deixem de ver.

Uma dica: economize energia mantendo sua televisão sempre desligada. E mais: se a revista Veja insistir para você comprar uma assinatura recorra ao Código de Direitos do Consumidor, pois tem-se aí o que os comunistas gostam muito de invocar: o bullyng.

domingo, junho 17, 2018

CONSERVADOR IVÁN DUQUE DETONA OS COMUNISTAS ASSASSINOS E VENCE PLEITO PRESIDENCIAL NA COLÔMBIA

O conservador Iván Duque, o vitorioso na Colômbia.
O candidato conservador do Centro Democrático, Iván Duque é o vencedor da eleição presidencial da Colômbia em segundo turno neste domingo. Com 98,2% das urnas apurada impõem-se a derrota do comunista e terrorista das FARC, Gustavo Petro.

Iván Duque teve o apoio do mais proeminente líder conservador colombiano Álvaro Uribe que, quando presidente do país impôs as primeiras grandes derrotas da dita "guerrilha" das FARC.

Mas o noticiário em veículos da grande mídia brasileira denotam de forma evidente  é que as redações de jornais, revistas, televisões e rádios estão desolados com a vitória de um líder conservador. Afinal, todos esses trastes continuam fiéis ao movimento comunista hoje em dia unha e carne do establishment.

Em todos os textos do noticiário sobre a eleição do noticiário da grande mídia identifica o vencedor como "de direita", como se isso fosse algo de ruim quando é exatamente o contrário. Já o termo 'conservador' é diligentemente escamoteado. Esses terroristas travestidos de jornalistas não são jornalistas, são militantes comunistas, são terroristas, enfim, são psicopatas que só estão soltos porque há muito tempo fecharam os hospícios. E o fechamento dos hospícios sempre foi uma reivindicação da bandalha comunista no mundo inteiro.

O que está acontecendo na Colômbia e já aconteceu na Argentina, acontecerá no Brasil e em toda a América Latina. Os comunistas sabem que têm seus dias contados. Aliás, são os maiores alvos de chacotas e deboche pelas redes sociais. Por enquanto são paparicados apenas pelos jornalistas da grande mídia, useiros e vezeiros e mentir, tergiversar, iludir como se pode constatar em todos os textos que serão publicados hoje, amanhã e depois sobre a fabulosa vitória do conservadorismo no pleito deste domingo na Colômbia.

Como jornalista em atividade há mais de 40 anos tenho nojo de ler qualquer veículo da grande mídia. Essa gente que escreve nos jornalões e fala na televisão e no rádio me causam engulho. São produtores de fake news e não têm a mínima capacidade para exercer o jornalismo.

IVÁN DUQUE FALA SOBRE SUA CAMPANHA

sábado, junho 16, 2018

OS 8 PONTOS DE PAULO GUEDES: O EIXO DO PROGRAMA ECONÔMICO DE JAIR BOLSONARO

O economista Paulo Guedes e o presidenciável Jair Bolsonaro: definindo uma agenda econômica capaz de içar o Brasil do atoleiro e do atraso econômico em que foi lançado pelos ladravazes da Nova República acumpliciados com os comunistas.
O economista Adolfo Sachsida, que integra a equipe econômica do pré-candidato presidencial Jair Bolsonaro, destacou em seu blog os 8 pontos escolhidos pelo economista Paulo Guedes para compor a linha mestra do programa econômico de Bolsonaro e que foram revelados com exclusividade pelo site BR18

1) Recuperação do Equilíbrio Fiscal
2) Aceleração do Crescimento e Geração de Empregos
3) Novo pacto federativo, com descentralização de recursos para estados e municípios
4) Redução da Dívida pública, com privatizações, concessões e desimobilizações, para viabilizar o corte de juros e de gastos com a rolagem da dívida, e promoção do investimento privado em infraestrutura
5) Redução e simplificação de impostos
6) Adoção de Regime de capitalização na Previdência
7) Desregulamentação da economia
8) Abertura da economia
O BR18 também antecipou alguns dos nomes que compõe a equipe de Paulo Guedes. Reproduzo os nomes abaixo:
a) Marcos Cintra
b) Roberto Castelo Branco
c) Rubem Novaes
d) Carlos Costa
e) Abraham Weintraub
f) Arthur Weintraub
g) Adolfo Sachsida
h) Paulo Coutinho
i) Luciano Irineu
j) Carlos von Doellinger
- As informações acima são claras, tem-se um programa econômico liberal e uma equipe técnica a altura do desafio - assinala Sachsida.
E arremata: "Se não acredita em mim, então pesquise sobre os nomes, veja onde estudaram, onde trabalharam, o que produziram na academia e no mercado, e você verá que essa equipe é sem sombra de dúvidas de altíssimo nível, e alinhada a uma agenda econômica liberal".

SAIBA QUAL É O PIOR POLÍTICO CORRUPTO. ELE ATUA SORRATEIRO EM CAMPANHAS ELEITORAIS.


O Procurador da República e Coordenador da Força Tarefa na Operação Lava Jato, Deltan Dallangol, anunciou em sua pagina do Facebook, que todas as sextas-feiras fará a postagem de um vídeo especial.
O primeiro está aí acima e inicia a série com a seguinte pergunta: por que é pior o político corrupto que investe dinheiro da propina em campanha eleitoral do que aquele que gasta em bens luxuosos?
Vale a pena ver o vídeo que é sintético, curtinho, mais vai diretamente ao ponto. Faço a postarem aqui no blog de forma a possibilitar que muitos leitores que não utilizam redes sociais como o Facebook e o Twitter, que são as principais, possam ter acesso a essas boas informações que circulam pela internet.
Aliás tenho feito isso seguidamente aqui no blog com outros personagens e outros assuntos e espero poder, de alguma forma, ampliar o acesso às informações de qualidade que são escamoteadas sistematicamente pelos veículos da grande mídia cujas redações são controladas pelos comunistas. 
Digo isso porque estou no exercício do jornalismo profissional desde 1971 e conheço muito bem o métier. Estou há mais de uma década me dedicando ao jornalismo por meio da internet e, como podem notar os leitores raramente faço clipping de matérias veiculadas pela grande mídia, justamente por conhecer profundamente a natureza de todo esse lixo ideológico. Especialmente no tocante à televisão.
O que posso afirmar sem medo jamais de errar é que quem continua se informado apenas por meio da grande mídia na verdade não se informa mas se submete a uma lavagem cerebral diária.

Sponholz: No SPA de Curitiba...

Clique sobre a imagem para vê-la ampliada

sexta-feira, junho 15, 2018

'IDEOLOGIA DE GÊNERO' : A PICARETAGEM CRIMINOSA DIFUNDIDA PELA ONU.


Com a cumplicidade da grande mídia, dos professores das escolas, dos políticos e dos governantes desde o presidente da república, parlamentares em geral chegando até o mais recôndito e pequeno lugarejo, a ONU - Organização da Nações Unidas avança em sua Agenda 2030, um pacote de picaretagens variadas, como a tal "sustentabilidade" e a dita "política de gênero".

Para conhecer o tamanho dessa mega ONG que vive as expensas de dinheiro público de praticamente todos os países, eis uma cifra: só em 2011 o Brasil contribuiu com mais de R$ 60 milhões para a ONU. Não encontrei dados mais recentes.

Clique aqui para ir até a página da ONU no Brasil para ter uma ideia do que essa mega ONG faz com o dinheiro que arrecada de cada país membro. Dentre suas principais atividades - pasmem - está justamente a dita "ideologia ou política de gênero".

E, para quem não sabe o que é ideologia de gênero e quais as suas consequências vejam o vídeo acima traduzido pelos Tradutores de Direita com legendas e leiam este texto a respeito do vídeo:

Em um vídeo que viralizou nas redes sociais no exterior, a Dra. Michelle Cretella, presidente do American College of Pediatricians, expos como os diagnósticos de "disforia de gênero" estão sendo feitos sem nenhuma preocupação com o bem-estar dos pacientes. Este relato junta-se aos diversos testemunhos pessoais, apresentados neste canal, de crianças que foram vítimas da ideologia de gênero.

Como se isso já não fosse um desastre, a dra. Cretella ainda revela que as crianças submetidas ao tratamento hormonal na adolescência passam a apresentar risco de doenças cardíacas, câncer, derrames e diabetes. Milhares de pais e mães que, massacrados por impostos, mal conseguem pagar as contas, agora também terão arcar com os custos altíssimos destes tratamentos e do acompanhamento psiquiátrico, que acabará garantindo que seus filhos fiquem cada vez mais doentes, depressivos e suicidas. Tudo sob a tutela do Estado, que não irá parar até esvaziar completamente aqueles que decidiu escravizar.


Por fim, notem como o relato da dra. Cretella se encaixa perfeitamente em muito do material que trazemos a vocês: a repressão ao comportamento masculino e a sobre-valorização do comportamento feminino -- desde a infância, em desenhos, programas de TV, escolas, universidades.


Desarmamento, pacifismo, ambientalismo... estas agendas têm como objetivo produzir uma crise antropológica, onde os homens se recusam a ser homens -- e as mulheres se recusarão as ser mulheres. O não atendimento destas expectativas ancestrais culminará em sucessivas gerações de pessoas depressivas, confusas e infelizes.

Tradução: cpac
Revisão: hsilver

Sponholz: Gol contra!

Clique sobre a imagem para vê-la ampliada

quinta-feira, junho 14, 2018

MULTIDÃO DE ELEITORES NO DESEMBARQUE DE JAIR BOLSONARO EM S. LUIZ DO MARANHÃO NESTA TARDE


Este vídeo dá uma ideia insofismável do apoio que o pré-candidato presidencial Jair Bolsonaro desfruta em todo o Brasil. Neste vídeo a chegada de Bolsonaro a São Luiz do Maranhão. Um publico imenso o aguardava no saguão do aeroporto e depois no lado de fora Jair Bolsonaro discursa.

A grande mídia simplesmente ignora este acontecimento político, como de resto tem ignorado todos os eventos da pré-campanha de Bolsonaro.
Como já afirmei aqui no blog fora Jair Bolsonaro nenhum outro candidato tem este apoio popular. E não tem mortadela, não tem artistas midiáticos, não tem figurões do establishment. 

Quero ver qual o veículo da grande mídia que veiculará este vídeo. 

URGENTE! JAIR BOLSONARO FAZ APELO AOS ELEITORES PARA NÃO CAIREM NA CONVERSA FIADA DA ABSTENÇÃO E LEMBRA O EXEMPLO DA VENEZUELA! TRATA-SE DE UMA ARMAÇÃO!


Este banner-vídeo que foi ar ar pelas redes sociais gravado e formatado pela Bia Kicis, incansável lutadora pelo resgate do Brasil das mãos dos corruptos e ladravazes dos cofres da Nação, toca num assunto super importante relativo ao pleito presidencial de outubro deste ano de 2018.

Bia Kicis faz uma entrevista relâmpago com o pré-candidato presidencial Jair Bolsonaro, que lidera as pesquisas eleitorais.

A questão é a seguinte: com a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que passou por cima do Congresso derrubando a lei que instituiu o voto impresso acoplado ao sistema eletrônico com a finalidade de oferecer a possibilidade de auditoria em caso de dúvidas levantadas por candidatos e/ou partidos seria o motivo para muitos eleitores decidirem por não votar.

Aliás, o projeto que virou lei aprovada pelo Congresso foi de autoria justamente do deputado Jair Bolsonaro. Com a decisão do STF anulando a lei, o sistema de voto impresso está praticamente descartado, embora o pré-candidato Jair Bolsonaro, seu partido e seus apoiadores continuem lutando tenazmente para reverter esse contra-tempo.

A finalidade desta mensagem em vídeo de Jair Bolsonaro circunscreve-se ao fato de que surgem em diversas áreas, inclusive pelas redes sociais, gente defendendo que os eleitores de abstenham de votar, muitas vezes açulados por gente principalmente do PT, PSDB e MDB.

Bolsonaro no entanto adverte que a abstenção é tudo o que desejam os donos do poder, o establishment e sua ponta de lança que é a grande mídia. Relembra, inclusive um episódio ocorrido nos tempos do finado caudilho comunista Hugo Chávez. Num pleito presidencial em anos passados na Venezuela, ainda sob Chávez, boa parte da população se negou a votar por acreditar que tudo estava manipulado pelos comunistas. Resultado: O chavismo conseguiu algo em torno de 90% das cadeiras da Assembléia Nacional. Era tudo que os comunistas queriam. De lá para cá a democracia que restava na Venezuela foi detonada sobrevindo a cubanização do país, ou seja, um regime comunista violento que está matando o povo de fome!

Antes de viajar para Cuba onde prosseguiria seu tratamento para o câncer que lhe consumia as entranhas, Hugo Chávez teve o cuidado de nomear Nicolas Maduro seu eventual sucessor. Misteriosamente Chávez praticamente desapareceu. Não se sabia o que se passava com ele então nas mãos dos médicos de Fidel Castro. Depois de muitas fake news soube-se que Hugo Chávez havia morrido e Nicolas Maduro assumiu o seu lugar concluindo a cubanização da Venezuela.

Neste caso, o boicote popular àquele pleito lá atrás com abstenção muito alta abriu caminho para que Chávez, apesar de morto, pudesse transmitir o poder a Nicolás Maduro que contava então com um parlamento majoritariamente chavista.

Portanto, essa chamada do presidenciável Jair Bolsonaro aos eleitores tem de ser levada em alta consideração. A pregação pela abstenção do voto é um verdadeiro maná para a camorra que desde a Proclamação da República prossegue pilhando os cofres públicos, inchando o Estado brasileiro para acolher a cada eleição um novo contingente de afilhados dando-lhes cargos e altos salários. Há cerca de 150 estatais. Além dos Ministérios há ainda as “agências reguladoras’, perfazendo um cabide infinito de empregos com altos salários, sem contar estatais gigantescas como a Petrobras, Eletrobras, BNDES, Banco do Brasil, Caixa e a lista é tão grande que não se sabe onde termina esse filão das mamatas e roubalheiras.

Deste círculo vicioso que exauriu os recursos do Estado brasileiro surge uma conta trilionária para ser paga. E mais uma vez é o povo brasileiro que terá que pagar. Não pensem que é só os mais aquinhoados. Todos pagam a conta dessa roubalheira por meio da brutal taxa de impostos embutida nos preços de todas as mercadorias. Desde de um cacho de banana até um automóvel, casa ou apartamento. Ninguém escapa.

Em linhas gerais é tudo isso que está em jogo. E a preocupação do presidenciável Jair Bolsonaro procede sim. Fazer campanha pela abstenção, repito, é fazer o que mais desejam os atuais donos do poder!