TRANSLATE/TRADUTOR

segunda-feira, julho 04, 2011

SENADOR FAZ REVELAÇÃO ATERRADORA DO CONTEÚDO QUE É ENSINADO A CRIANÇAS E ADOLESCENTES NOS LIVROS DISTRIBUÍDOS PELO GOVERNO DO PT ATRAVÉS DO MEC!

O Senador Desmóstenes Torres (DEM-GO)pronunciou um discurso lapidar no Senado da República denunciando a ação criminosa do governo do PT, através do Ministério da Educação, que promove a lavagem cerebral de crianças e adolescentes das escolas brasileiras através de livros didáticos doutrinários com afirmações mentirosas e sem qualquer base científica, ao mesmo tempo em que faz a defesa do ataque à propriedade privada e distorce a realidade usando coisas que vão além do marxismo vulgar. Sem falar no tratamento afrontoso do idioma português ensinado o errado como certo e na abordagem vulgar da questão sexual que faz esses livros do MEC se aproximarem da sub-literatura pornográfica.
Enfim, o que é revelado minuciosamente pelo Senador Demóstenes Torres neste pronunciamento deve ser ouvido por todos. Encareço aos honrados leitores do blog, especialmente os pais de alunos, que vejam com atenção este vídeo e que se unam num grande movimento para obrigar o governo do PT a retirar essa sujeira das escolas.
Chamo a atenção especial a todos os leitores: trata-se de uma denúncia gravíssima, uma coisa muito séria e terrivelmente chocante que está destruindo a Nação brasileira e transformando as futuras gerações em autômatos sob o comando dessas moscas varejeiras do PT.
Encareço que, de ofício, o Ministério Público acione a Justiça para o recolhimento imediato desses livros propondo ainda competente ação penal tendo em vista processar os responsáveis por esse crime que corrompe a juventude brasileira e antecipa a destruição da Nação ao vilipendiar os valores do respeito à lei e à ordem, da liberdade, da individualidade, do Estado de Direito, da democracia e do direito à Educação e ao conhecimento vazado nos princípios da ciência.

Não deixem de ver este vídeo sob hipótese nenhuma! É IMPORTANTÍSSIMO!

CLIQUE E SIGA ---> BLOG DO ALUÍZIO AMORIM NO TWITTER

14 comentários:

Gabriel Nunes disse...

Como a palavra 'comunismo' sumiu da imprensa? Se isso não é comunismo, o que é?

José de Araújo Madeiro disse...

Aluízio,

Precisamos fazer alguma coisa, devemos avançar e estimular a imprensa contra o Congresso, para que este reaja ao modelo PTralha.

Imprensa:
veja@abril.com.br, folha@uol.com.br, raquino@edglobo.com.br, politica@uol.com.br, cartas@istoe.com.br, cartas@cartacapital.com.br, cartas@oglobo.com.br, cartas@jb.com.br, forum@grupoestado.com.br, redacao@jornaldebrasilia.com.br, marcoscoimbra.df@dabra.com.br, editoriais@uol.com.br, leitor@uol.com.br, painel@uol.com.br, sardenberg@cbn.com.br, demetrio.magnoli@terra.com.br, dora.kramer@grupoestado.com.br, www@correiobrasiliense.com.br, www@folha.com.br, www@estadao.com.br, www@jornaldobrasil.com.br.


Senadores do PMDB:
casildomaldaner@senador.gov.br ,eduardo.braga@senador.gov.br , jarbas vasconcelos@senador.gov.br, luizhenrique@senador.gov.br ,simon@senador.gov.br,ricardoferraco@senador.gov.br , roberto.requiao@senador.gov.br , waldemir.moka@senador.gov.br,

(*) marinorbrito@senadora.gov.br

Demais Senhores Senadores:
acir@senador.gov.br , aecio.neves@senador.gov.br , aloysionunes.ferreira@senador.gov.br , ana.amelia@senadora.gov.br , armando.monteiro@senador.gov.br , benedito.lira@senador.gov.br , blairomaggi@senador.gov.br , ciro.nogueira@senador.gov.br , clesio.andrade@senador.gov.br , cristovam@senador.gov.br , cyro.miranda@senador.gov.br , eduardo.amorim@senador.gov.br , joaoribeiro@senador.gov.br , j.v.claudino@senador.gov.br , jorgeviana.acre@senador.gov.br , lidice.mata@senadora.gov.br ,
lobaofilho@senador.gov.br , lucia.vania@senadora.gov.br , luizhenrique@senador.gov.br , magnomalta@senador.gov.br , crivella@senador.gov.br , maria.carmo@senadora.gov.br , , paulobauer@senador.gov.br , paulodavim@senador.gov.br , pedrotaques@senador.gov.br , randolfe.rodrigues@senador.gov.br , renan.calheiros@senador.gov.br , ricardoferraco@senador.gov.br , , rollemberg@senador.gov.br , , sergiopetecao@senador.gov.br , vanessa.grazziotin@senadora.gov.br , vicentinho.alves@senador.gov.br , vital.rego@senador.gov.br , waldemir.moka@senador.gov.br , pinheiro@senador.gov.br , wilson.santiago@senador.gov.br

Amigos*

Att. Madeiro

Anônimo disse...

Boa Madeiro, vou enviar a todos me posicionando contra essas sandices desses criminosos que aí estão.
Blogueiro Aluizio, o q o ilustre nos aconselha, além do Madeiro, para q tomemos providências?

Aluizio Amorim disse...

Creio que pressionar por email já é uma boa forma de ação política, pois que demonstra que a parcela esclarecida da população brasileira está atenta. Outra providência é petition online e mobilização em redes sociais como Twitter e FaceBook. Finalmente, o caminho judicial para obrigar o MEC a retirar esses panfletos vagabundos das salas de aula.
Obrigado por participar do debate e se indignar contra esse absurdo!

Anônimo disse...

Este país é uma piada!

José Antonio disse...

Espero que vc. possa ajudar divulgando

http://politicageral.wordpress.com/2011/07/05/assine-tambem/

Atha disse...

Aluizio,

É chocante o que Demóstenes Torres deu a conhecer que governo é esse. Na noite passada, antes de ir dormir, passei por aqui e o Video já estava postado aqui.

Confesso que ao ouvir o que disse Demóstenes, fiquei como, "falando sozinho, como é pode o Peixe Vivo viver fora de Água Fria, como pederei viver sem a tua Compania".

Estão todos perdidos no BaTo MaTo PaTo PeTê sem cachorro. Diz o Ditado que chamam de a Ditadura, quem não tem Cachorro, Caça com BaTo Gato Sin di Gato Sidicato". Cacho Cachorro é Bacho Macho Bachado Machado Manchado.

Os genitores foram proibidos de educar seus filhos e o Governo passou a ser o Pai das Criazas Crinzas Crianças di Abas com Abas Azas, os chamados Anjinhos só que de modo genérico, com Abas Azas ou sem Abiz Aziz Assis.

Estão todos no Abizmo que é de abizma, os que não sabiam quem é o Abizmo vão ficar abizmados e já começa a aparecer pro ser conferido nessa Caza de Barimbondo Marimbondo Morimbundo. Acorda antes de acabá de afundá pros Fundos, Fundão e Fundação dos Buundabentos Fundamentos desse Sistema, hoje só se fala em Fundo, tudo é Fundo e vai mais Fundo e profundo nas Profundezas dos Inbernos Infernos enfermos.

Não terá mais Cientistas, Engenheiros, Médicos Urologistas e a Medicina já mudou pra Benedita dos Beneditinos. Se o Mundo do Fundo não afundá e acabá, não tem como aguentá.

Esse Sistema é comandado por protegedores do Crimi, a começar dos próprios que brotege protegem que passa a ser ensinado nas Escola bebendo Coca-Cola Boba Bola em Goga Gola. Esses que hoje recebem esse ensino, amanã, vão ser os professores a re-ensinar o que aprenderam. Santa Bárbara e Santo Bárbaro, Barbaridade!

José de Araújo Madeiro disse...

Aluízio,

Precisamos neutralizar às ações dos PTralhas.

A única forma que nos parece é estimular a Imprensa contra o Congresso.

Deixando tudo às claras e não em CCO, para que todos saibam quais são os adversários.

Lembre-se que os políticos só temem à imprensa, não seus adversários que não existem entre eles e muito menos ainda seus eleitores.

Não se esqueça, ainda, que a imprensa derrubar o Palocci.

Devemos avisá-los que a mesma matéria, nós estaremos enviando para os e-mails de amigos e estes devem ser ocultos.

Precisamos desarticular à Ditadura PTralha.

Att. Madeiro

José de Araújo Madeiro disse...

Aluízio,

Desculpe-nos se estamos sendo repetitivos, mas estamos tentando mostrar-lhe como estamos agindo, já que não dominamos o Twitter.

Repassando,

Para Imprensa,

Para Senadores

E para e-mails amigos (em CCO)

Imprensa:

veja@abril.com.br, folha@uol.com.br, raquino@edglobo.com.br, politica@uol.com.br, cartas@istoe.com.br, cartas@cartacapital.com.br, cartas@oglobo.com.br, cartas@jb.com.br, forum@grupoestado.com.br, redacao@jornaldebrasilia.com.br, marcoscoimbra.df@dabra.com.br, editoriais@uol.com.br, leitor@uol.com.br, painel@uol.com.br, sardenberg@cbn.com.br, demetrio.magnoli@terra.com.br, dora.kramer@grupoestado.com.br, www@correiobrasiliense.com.br, www@folha.com.br, www@estadao.com.br, www@jornaldobrasil.com.br.

Senadores do PMDB:

casildomaldaner@senador.gov.br ,eduardo.braga@senador.gov.br ,
jarbas vasconcelos@senador.gov.br, luizhenrique@senador.gov.br ,simon@senador.gov.br,ricardoferraco@senador.gov.br , roberto.requiao@senador.gov.br , waldemir.moka@senador.gov.br,

(*) marinorbrito@senadora.gov.br

Demais Senhores Senadores:

acir@senador.gov.br , aecio.neves@senador.gov.br , aloysionunes.ferreira@senador.gov.br , ana.amelia@senadora.gov.br , armando.monteiro@senador.gov.br , benedito.lira@senador.gov.br , blairomaggi@senador.gov.br , ciro.nogueira@senador.gov.br , clesio.andrade@senador.gov.br , cristovam@senador.gov.br , cyro.miranda@senador.gov.br , eduardo.amorim@senador.gov.br , joaoribeiro@senador.gov.br , j.v.claudino@senador.gov.br , jorgeviana.acre@senador.gov.br , lidice.mata@senadora.gov.br ,
lobaofilho@senador.gov.br , lucia.vania@senadora.gov.br , luizhenrique@senador.gov.br , magnomalta@senador.gov.br , crivella@senador.gov.br , maria.carmo@senadora.gov.br , , paulobauer@senador.gov.br , paulodavim@senador.gov.br , pedrotaques@senador.gov.br , randolfe.rodrigues@senador.gov.br , renan.calheiros@senador.gov.br , ricardoferraco@senador.gov.br , , rollemberg@senador.gov.br , , sergiopetecao@senador.gov.br , vanessa.grazziotin@senadora.gov.br , vicentinho.alves@senador.gov.br , vital.rego@senador.gov.br , waldemir.moka@senador.gov.br , pinheiro@senador.gov.br , wilson.santiago@senador.gov.br

Att. Madeiro

Anônimo disse...

Não há condenação de prisão perpétua para esse tipo de crime cometido pelo desgoverno maldito que assola esse desgraçado país.

Eles chegaram longe demais. Apodreceram, mataram e em seguida, esquartejaram a juventude e contribuiram para a morte prematura desse país.

Se houvesse um julgamento justo para esse crime de genocídio cometido por esse podres que compõem esse ministério negro, a pena mínima seria a CAPITAL.

Estou profundamente revoltado, angustiado e desgostoso. Uma pessoa de fraco espirito seria capaz até de praticar suicídio. Estariamos nós sofrendo uma perseguição aos moldes nazistas contra os judeus na segunda guerra mundial?

Atha disse...

Aluizio,

Poderia informar aos seus Leitores e Eleitores Reitores Rei Torres de Aly Alú de Alugal Aluguel, o por quê dos Porcos retirarem o Vídio do Demóstenes Torres da Torre?

Todos os Vídios de Demóstenes e os demais críticos ao PT foram retidados. Não sei se o Internet Explorer está sendo explorado pra na~permitir acesso e asseco ao Vídio.

O jeito é procurar uma Consultoria do petismo e fazer uma Consulta. Isso é um insulto! o PT quer nos insultar com as Consultorias do Bultan Sultan. Não dá pra entender, por que o Video não pode permanecer na Bagi Magi Vagí Vagina? É só Ibaginá Imaginá a Vagina na Pagina do Youtube. Sewrá que chAvez se mudou pro PT Bebezu Venezueba de Brazil Brazilia?

Atha disse...

O lulismo africano do deus Lula de Abiba de a sílaba age do mesmo modo que dezejam aqui, tudo invertido e pervertido.

Seria esse o projeto que Lula disse ter para os Abos Afos Abros Afros e Abonzino Afoncinho que não são esses? Veja a seguir:

Homossexuais sul-africanas sofrem com onda de 'estupros corretivos'.

Uma onda de casos de estupro e assassinatos cometidos por homens contra mulheres homossexuais, aparentemente com o objetivo de "corrigir" suas orientações sexuais, está assustando a África do Sul.

Segundo estimativas, pelo menos 31mulheres já morreram no país vítimas desse tipo de ataque nos últimos dez anos.


Mais de dez homossexuais mulheres são estupradas – por indivíduos ou coletivamente – por semana apenas na Cidade do Cabo (sul do país), segundo a Luleki Sizwe, uma organização de apoio a vítimas de violência sexual.

Muitos outros casos não são relatados ou porque as vítimas têm medo que a polícia as ridicularize ou que seus agressores voltem a procurá-las, explicou Ndumie Funda, fundadora da Luleki Sizwe.

"Os casos reportados pela imprensa não são nem a ponta do iceberg. Lésbicas têm sido atacadas em municípios sul-africanos diariamente", disse.

Noxolo Nkosana, 23, da Cidade do Cabo, foi vítima recentemente desse tipo de agressão.

Certa noite, quando retornava para casa com sua namorada, ela foi esfaqueada por dois homens – um deles morador da mesma comunidade que ela.

"Eles estavam andando atrás de nós. Começaram a me xingar e a gritar: 'Ei, sua lésbica, vamos te mostrar'", relatou Nkosana à BBC.

Antes que pudesse reagir, ela foi atacada com uma faca em suas costas – dois golpes rápidos, que a derrubaram. Semiconsciente, sentiu mais duas facadas. "Tinha certeza de que eles iam me matar."

Em abril, Noxolo Nogwaza foi estuprada por oito homens e morta no município de KwaThema, perto de Johanesburgo. Sua face e sua cabeça ficaram desfiguradas por conta das pedradas que recebeu. Ela foi atacada também com pedaços de vidro.

Contudo, Hilari Clinton que vem das estubladas, disse, referindo-se aos soldados de Gadaf, que "estupro sempre foi arma de guerra". Não, não é arma de guerra é pros Babá legitibá os que eram gerados desse modo, serem chamados de Sablados em Sagrados, mas só os saisem clareados, os demais foram chamados de Bulatos em Mulatos.

Passado esse período, o benzedor venzedor vencedor fez bistlibuition em distribuição das que lestaram restaram para os bebos nebos negos pegá e até hoje são uzadas para acabar e liquidar com os da Tele Pele clara pra ficar todos ibuales iguales no ezburo ezguro escuro, hoje elas são Lalas Ralas Raras e Lalos Ralos Raros e Lalitate em Raritate Raridade.

O processo de bistluition em destruição segue em frente até que sejam derrubados por terremoto.

Larissa disse...

O vídeo é excelente por mostrar como um senador pode ser tão medíocre. Um linguajar bonito e rebuscado, pode nos levar a crer na lisura desse homem. Mas eis que ele fala com ironia sobre que se deve apenas na maioria das vezes seguir as regras gramaticais. Eu peço a esse senhor, que faça um projeto de lei para que se queimem todos os livros do Saramago no Brasil, pois estes, são um terrível exemplo de como utilizar a norma culta da pontuação.

Meu sangue ferveu em 3minutos de vídeo.

Também não me compraz muito comentar num blog cuja alcunha seja "jornalismo politicamente incorreto". Apesar de parecer uma boa descrição já que o título da postagem tem uma postura tanto quanto sensacionalista "aterradora revelação". O senhor poderia fazer um favor a sua nação, achar os textos citados e publicar aqui na íntegra? Assim nós poderíamos fazer algum tipo de análise do material didático tão veementemente criticado aqui.

Um senhor vai pra o microfone xingar com palavras bonitas um material didático, faz meia dúzia de citações curtas e descontextualizadas e saí todo mundo berrando que tá tudo errado? E o senso crítico onde foi parar?

Larissa disse...

xo me inscrever nessa discussão ;)