TRANSLATE/TRADUTOR

domingo, maio 24, 2015

APENAS ALGUNS EXAMES DE ROTINA: MÉDICOS AFIRMAM QUE LULA NÃO ESTÁ COM NADA.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fez exames no Hospital Sírio-Libanês neste sábado, dia 23. Foi realizada, conforme boletim médico divulgado à imprensa, apenas uma avaliação clínica de rotina.
Lula passou por exames físicos, ressonância nuclear magnética, PET-CT (diagnóstico por imagem) e nasofibrolaringoscopia (exame endoscópico que permite a visualização da cavidade nasal, faringe e laringe). Todos apresentaram resultados normais, de acordo com boletim assinado pelos médicos Antonio Carlos Onofre de Lira, superintendente técnico hospitalar, e Paulo Cesar Ayroza Galvão, diretor clínico.
As equipes médicas que acompanharam o ex-presidente foram coordenadas por Roberto Kalil Filho e Artur Katz. Lula passa por exames de rotina desde que teve câncer de laringe, em 2011. A última vez em que ele esteve no hospital para realizar esse controle foi em novembro do ano passado. Em média, Lula passa por exames de rotina a cada seis meses. Do site Diário do Poder

14 comentários:

Anônimo disse...

Avaliação clínica de rotina com RNM e PET-CT, que são dois exames de alta complexidade!?! Tão de brincadeira!?

Augusto disse...

Show de absurdos: leia entrevista de Dilma para pasquim esquerdista mexicano.

http://coturnonoturno.blogspot.com.br/2015/05/show-de-absurdos-leia-entrevista-de.html

Anônimo disse...

Que pena!!!
Mas pelo SUS nem pensar.
Eduardo.45

Anônimo disse...

Gostaria de saber se foi nalgum posto de saúde dos enfermeiros cubanos que atendeu e em corredor de hospital do SUS ficou esperando vaga.
Podem me informar?
Coitadinho do trabalhador, sofre mesmo!
Por isso faltou à reunião do PT!

Anônimo disse...

Realmente, Lularápio não está com (quase) nada. Somente com o dinheiro do povo.

Anônimo disse...

Seria bom se todos nós brasileiros tivéssemos os mesmos tratamentos q o Lula molusco tem.

Anônimo disse...

Verdade,o Barba não está com nada,acabou.Sayonará.

Anônimo disse...

o burguesão do capital alheio só vai no Sirio e faz bateria de exames a cada seis meses...

coisa de ricaço...

Anônimo disse...

É o Lula safado e senil em plena campanha para 2018. A Smartmatic o garante nas urnas, agora é só cuidar da saúde. Pobre Brasil, veja só o que o espera!

Anônimo disse...

Aluízio,

Para "refrescar" a memória de muitos:

Posição Presidente PIB Brasil variação real(%)

1 Garrastazu Médici 11,9
2 Deodoro da Fonseca 10,1
3 Café Filho 8,8
4 Jânio Quadros 8,6
5 Juscelino Kubitschek 8,1
6 Costa e Silva 7,8
7 Eurico Dutra 7,6
8 Epitácio Pessoa 7,4
9 Ernesto Geisel 6,7
10 Nilo Peçanha 6,4
11 Getúlio Vargas II 6,2
12 Washington Luís 5,2
13 Itamar Franco 5,0
14 Rodrigues Alves 4,7
15 Prudente de Morais 4,5
16 José Sarney 4,4
17 Getúlio Vargas I 4,3
18 Castello Branco 4,2
19 Lula 4,0
20 Artur Bernardes 3,7

Reinaldo Gonçalves, 3 março 2011, reinaldogoncalves1@gmail.com

Anônimo disse...

Tem doenca psiquiatrica.

Anônimo disse...

Aluízio,

Segue mais um trecho do estudo feito por Reinaldo Gonçalves sobre o "governo" Lula só para "refrescar" a memória.

Evolução da renda no Governo Lula: Conclusões definitivas

Reinaldo Gonçalves , 3 março 2011 , reinaldogoncalves1@gmail.com

A divulgação dos dados de evolução da renda do Brasil pelo IBGE, bem como a base de dados do FMI, já permitem algumas conclusões definitivas a respeito do desempenho da economia brasileira (renda) durante o governo Lula (2003-10).

Primeira conclusão: fraco desempenho pelos padrões históricos do país.

O crescimento médio anual do PIB real é de 4,5% no governo Lula. Mais especificamente, 3,5% em 2003-06 e 4,5% em 2007-10. Mesmo no segundo mandato, a taxa alcançada não supera a média secular do país (1890-2010, período republicano) (4,5%). Portanto, o desempenho do governo Lula é fraco pelos padrões históricos brasileiros. (ver Tabela 1)

Segunda conclusão: muito fraco desempenho quando comparado com outros presidentes.

Desde a proclamação da república o país teve 29 presidentes (Vargas teve dois mandatos separados temporalmente). Neste conjunto, Lula ocupa a 19ª posição quanto ao crescimento da renda, ou seja, 18 outros presidentes tiveram melhor desempenho. Quando este conjunto é dividido em quatro grupos, Lula está no terceiro grupo. De outra forma, pode-se afirmar que Lula teve o 11º pior desempenho no conjunto dos mandatos presidenciais. (ver Tabela 2).

Terceira conclusão: retrocesso relativo.

No período 2003-10 três indicadores merecem destaque.
O primeiro é a participação do Brasil no PIB mundial. Usando os dados de paridade de poder de compra, verifica-se que não houve alteração, A participação média do Brasil em 2001-02 manteve-se a mesma em 2009-10 (2,90%). (ver Tabela 3).
O segundo indicador é a posição relativa do Brasil no ranking da economia mundial quando se considera a taxa de variação real do PIB no período 2003-10. O Brasil ocupa a 96ª posição no painel de 181 países. Ou seja, dividindo este conjunto em
quatro grupos, o Brasil está no terceiro grupo. O crescimento médio anual do PIB do
país (4,0%) está abaixo da média (4,4%) e da mediana (4,2%) do painel mundial. (ver Tabela 4)
O terceiro indicador é o PIB (PPP) per capita. Este indicador de renda para o Brasil
aumentou de US$ 7.457 em 2001-02 para US$ 10.894 em 2009-10. Entretanto, a posição do país no ranking mundial piorou. O país passou da 66ª posição para a 71ª
posição. Ou seja, houve retrocesso relativo. (ver Tabela 5).

Quarta conclusão: país fortemente atingido pela crise global em 2009.

A crise econômica de 2009 teve alcance global. O Brasil é um país marcado por forte
vulnerabilidade externa estrutural. O passivo externo bruto ultrapassou US$ 1.292
bilhões em no final de 2010.1 No período 2003-10 houve reprimarização da economia
brasileira, inclusive com significativo aumento do peso relativo das commodities nas
exportações brasileiras. A maior participação do capital estrangeiro no aparelho
produtivo também ocorreu no período em questão. A crescente liberalização financeira e o regime de câmbio flexível implicam maior instabilidade. O resultado é que a crise internacional atingiu fortemente o país em 2009. A queda do PIB real foi de 0,6%. No painel mundial o Brasil ocupa a 85ª posição. Dividindo este painel em
quatro grupos, verifica-se que o país está no segundo grupo dos mais atingidos.
Ademais, a frágil posição brasileira é evidente quando se leva em conta que a taxa
média (simples) e a mediana de variação do PIB do painel é de 0,1% e 0,2% respectivamente. (ver Tabela 6)

Em síntese, durante o governo Lula a evolução da renda do Brasil caracterizou-se por:

1) fraco desempenho pelos padrões históricos do país
2) muito fraco desempenho quando comparado com outros presidentes
3) retrocesso relativo
4) país fortemente atingido pela crise global em 2009.

Devido o estudo ser um pouco extenso, suprimi as tabelas citadas.

Índio Tonto/SP

Anônimo disse...

Pra quem não tem nada, os medicos aproveitam e pedem os mais modernos exames.
Quem tem c... tem medo.

Tudo pago com dinheiro do brasileiro OTARIO, claro, pois ele não vai desembolsar um unico centavo.

Agora eu, para saber se tenho alguma coisa importante, estou a 2 meses indo a consultas, e exames, e nada do medico receitar uma simples aspirina.

Isso tendo plano de saude carisssssssimo.

Nada como ser "cotista " preso politico , pobre trabaiador que nasceu analfabeto"( e continua analfabeto moral pelo menos)

Marat Silva disse...

.
Examinaram o fígado??