TRANSLATE/TRADUTOR

sábado, maio 16, 2015

MAIS UMA BOMBA! COMO SERVIDOR FEDERAL FACHIN NÃO PODERIA TER ADVOGADO CONTRA A UNIÃO EM FAVOR DO PARAGUAI NO CASO ITAIPU.

Acima Luiz Edson Fachin discursando no palanque em comício da Dilma. Na sequência Lula e Dilma afagando o bispo comunista paraguaio Fernando Lugo, tarado sexual e corrupto que sofreu depois impeachment. Fachin advogou contra a própria União em defesa dos interesses do governo paraguaio no caso de Itaipu.
A revista Veja chega tinindo às bancas neste sábado. Um das reportagens é demolidora ao atirar a pá de cal sobre a candidatura do advogado petista Luiz Edson Fachin a ministro do STF. 
Quem deve estar roendo as unhas é o senador tucano Álvaro Dias, que encerra sua carreira política de forma melancólica ao fazer a defesa desse esbirro do PT e do Foro de São Paulo.
Veja descobriu que Fachin, embora impedido pela lei, como professor remunerado pela União, advogou contra o Brasil em favor do governo paraguaio então comandado pelo bispo comunista Fernando Lugo, amiguinho de Lula e Dilma, que mais tarde sofreu impeachment.
Para começo de conversa, além de comunista petista radical, esse Fachin é um traidor do Brasil. Num país sério teria sua aposentadoria de professor público cassada e ainda por cima amargaria um bom tempo na cadeia. No entanto, está sendo indicado para o Supremo Tribunal Federal. Sem palavras. Leiam um aperitivo desta reportagem-bomba de Veja:

Na última terça-feira, o advogado Luiz Edson Fachin deixou a exaustiva sabatina na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aplaudido e colocou um pé no Supremo Tribunal Federal (STF) - falta agora o derradeiro aval do plenário. Com respostas calculadas que em nada lembraram as posições radicais e esquerdistas do passado, Fachin foi questionado sobre temas espinhosos em sua trajetória. Driblou quase todas. Mas uma pergunta preparada pelos senadores acabou não sendo feita: abordava a relação do professor remunerado pela União com os diretores de Itaipu Binacional, que levaram Fachin a advogar contra a própria União em defesa dos interesses do governo paraguaio.

A edição de VEJA que chega às bancas neste final de semana relata o caso e aponta a razão por que os senadores, que devem votar em plenário a indicação de Fachin na próxima terça-feira, precisam refletir cuidadosamente a respeito dele: "O artigo 117 da Lei nº 8112/1990 proíbe servidor federal de 'aceitar comissão, emprego ou pensão de Estado estrangeiro'". Do site da revista Veja

6 comentários:

Anônimo disse...

Quando pintar um bispo comunista, tipo D Hélder, Lugo, Casaldáliga etc., mesmo do clero, a suspeita é forte de terem sido infiltrados na Igreja católica para a desmerecerem, e via esquerdista Teologia da Libertação-TL repassarem marxismo sob forma de doutrina católica socializada aos incautos, trabalho que vem sendo executado pelos comunistas desde a década de 30, a mando de Lênin.
Bella Dodd e Yuri Bezmenov, ex agentes comunistas arrependidos nessa função explicam como procediam, infiltrando falsos sacerdotes, depois se tornavam bispos para a desacreditarem e promoverem o marxismo, como os que apoiam o PT ou outros partidos comunistas.
A direção da CNBB e de algumas seitas parecem estar na mãos deles, só de não o combaterem é sinal evidente de associação, como apoiar a "Reforma Política e eleições Limpas" do imundo e bandido PT e avalizarem seus planos.
Afinal, quem com porco mexe, farelo come!

Anônimo disse...

esse padreco paraguaio é a cara da esquerda latina...

um asqueroso que se passava por padre com vários filhos espalhados por ai...

Anônimo disse...

Fachin é um comunista radical, bolivariano, que não aceita princípios democráticos básicos da carta de 1988 e ainda tem umas ideias estranhas, alienígenas, sobre família, que pretende impor a sociedade brasileira. Quem se queima com isso é Álvaro Dias, pelo bairrismo burro, estúpido, chifrin, de indicar esse maluco para uma vaga no STF. Não merece mais exercer nem mesmo um mandato de vereador, mostrou que não tem preparo nem para isso.

Anônimo disse...

Todo petista é de uma baixeza moral infinita.Na foto de lula e o bispo:um bêbado(seu olhar é de quem tomou todas) afagando um ser abjeto.Lamentável que criaturas desde naipe presidiram e ainda presidem nosso país.

samuel disse...

Em Nova Iorque, FHC bebe vinhos, descobriu os prazeres da maturidade. O espírito de alguns livros, de alguns vinhos e de alguns uísques. Com gordas contas bancárias no exterior e esposa joven, tudo que ele deseja é sossego e ....homenagens, agora pela câmara de comércio americana junto a Clinton expoente da esquerda americana, mesmo que esse comércio seja praticamente inexistente. Aqui no Brasil pede votos para Fachin.
Ele comete o terrível erro de avaliação de todos os que abraçaram a social-democracia, de achar que chegam ao poder, cavalgando na mentira igualitarista, e nele conseguirão manter-se. Ora, eles sempre serviram e servirão de abre-alas da revolução. Nas suas pegadas sempre virão os “verdadeiros” socialistas. O mal legado por FHC talvez exija dos brasileiros um preço como os alemães pagaram para se livrar de Hitler e do nazismo.
Enfim, os 84 anos de FHC servem para a gente se lembrar de quem é a autoria da tragédia brasileira, da qual estamos a viver apenas a alvorada. Tempos de grandes perigos. Nossa liberdade está dependendo do PMDB, estou puto por ter sido enganado pelo PSDB até hoje ... Fora PSDB e leve o Alvaro Dias, José Serra, Aécio,juntos com uma boa indigestão de ROMANÉ CONTI...

Antonieta Melo disse...

Concordo com você Samuel, totalmente.