TRANSLATE/TRADUTOR

quinta-feira, maio 11, 2017

O PETROLÃO DO PT, A CONEXÃO VENEZUELA E O MISTERIOSO EMBAIXADOR DE CHÁVEZ QUE ESTEVE ATÉ COM BARACK OBAMA.

Estas informações que seguem estão em praticamente todos os veículos da grande mídia brasileira. O texto da reportagem sobre a delação de Mônica Moura, a mulher do marqueteiro João Santana, é do site da revista Veja e dá uma ideia da conexão transnacional do petrolão do PT. Também explica aquela alegre amizade de Lula, Dilma e seus sequazes com o defunto caudilho Hugo Chávez e seu assecla agora na condição de tiranete da Venezuela, Nicolás Maduro. 

Nas imagens colhidas na internet também aparece o embaixador Maximilien Arvelaiz, que atuou no Brasil e até mesmo nos Estados Unidos, durante o mandato de Barack Obama, conforme foto veiculada em sites americanos. 

O famoso esquema de mascarar as contas de campanhas políticas por meio de caixa dois, descortinado pela Operação Lava Jato, também se perpetuou fora do país. Em acordo de delação premiada, Mônica Moura, mulher do marqueteiro João Santana, afirmou que o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, repassou 11 milhões de dólares em espécie para financiar a campanha de 2012 de Hugo Chávez, ex-presidente venezuelano, morto em 2013.
Então chanceler, Maduro fez o repasse na própria sede da chancelaria, localizada em Caracas, na capital venezuelana, segundo Mônica Moura. As pastas com dinheiro eram entregues no gabinete do atual presidente, que garantia à marqueteira escolta até a produtora para reforçar a segurança dela.
O embaixador da Venezuela, Maximilien Arvelaiz que atuava como articulador das campanhas de Chávez em três momentos: com Lula, com José Dirceu e com o casal Obama na Casa Branca.O site McClatchy DC Bureau sita o encontro do venezuelano com Obama.
Maduro, disse Mônica Moura, exigiu que quase todos os valores para custear a campanha pela reeleição de Chávez fossem pagos “por fora”. Esses repasses eram feitos por meio das empreiteiras Odebrecht e Andrade Gutierrez. O então embaixador da Venezuela no Brasil, Maximilien Arvelaiz, atuava como uma espécie de articulador da campanha de Chávez por manter, ao mesmo tempo, boa relação com as construtoras e com a cúpula do Partido dos Trabalhadores.

O ex-ministro da Casa Civil José Dirceu também foi apontado como um “elo” entre a equipe da Agência Pólis, comandada por João Santana, e a campanha de Chávez. Como resultado, Franklin Martins, ex-ministro da Secretaria de Comunicação de Lula, foi contratado para elaborar a campanha de Chávez na internet.

Por ser sempre “muito desconfiado”, nas palavras de Mônica Moura, o presidente Nicolás Maduro evitava entregar dinheiro vivo para mais de uma pessoa. Ele dava todo o valor a ela, que, em seguida, fazia os repasses. Na delação, Moura disse ter dado dinheiro, também por fora, para Mônica Monteiro, mulher de Franklin Martins.

Ela detalhou ainda que, além dos 11 milhões pagos pelas mãos de Maduro, a Odebrecht arcou com 7 milhões pela campanha de Chávez. Já a Andrade Gutierrez pagou 2 milhões de dólares. Restou uma dívida, nunca saldada, de 15 milhões de dólares. Informações sobre a delação do site da revista Veja

17 comentários:

Anônimo disse...

NADA HÁ DE NOVO DESSES GANGSTERS VERMELHOS, a não ser todos dias, o aparecimento de mais trapaças dos trastes comunistas!
Afinal, essa cachorrada age na marginalidade e suas obras, além de sinistras, são sempre perpetradas ocultamente e nas oportunidades onde possam levar vantagem sem deixarem quaisquer rastros, como até aumentos de combustíveis em épocas de grandes festas!
Se algum dos comandados errarem na missão são expurgados sem dó e misericordia por terem sido ineficientes na execução, podendo serem até eliminados para não "sujarem" o partido!

Anônimo disse...

E os investimentos que o banco considerou estarem aptos a receberem investimentos financiados por recursos brasileiros?

Porto de Mariel (Cuba): Valor da obra – US$ 957 milhões (US$ 682 milhões por parte do BNDES). Empresa responsável – Odebrecht.
-
Hidrelétrica de San Francisco (Equador): Valor da obra – US$ 243 milhões. Empresa responsável – Odebrecht. Após a conclusão da obra, o governo equatoriano questionou a empresa brasileira sobre defeitos apresentados pela planta. A Odebrecht foi expulsa do Equador e o presidente equatoriano ameaçou dar calote no BNDES.
-
Hidelétrica Manduruacu (Equador): Valor da obra – US$ 124,8 milhões (US$ 90 milhões por parte do BNDES). Empresa responsável – Odebrecht. Após 3 anos, os dois países ‘reatam relações’, e apesar da ameaça de calote, o Brasil concede novo empréstimo ao Equador.
-
Hidrelétrica de Cheglla (Peru): Valor da obra – US$ 1,2 bilhões (US$ 320 milhões por parte do BNDES). Empresa responsável – Odebrecht.
-
Metrô Cidade do Panamá (Panamá): Valor da obra – US$ 1 bilhão. Empresa responsável – Odebrecht.
Autopista Madden-Colón (Panamá): Valor da obra – US$ 152,8 milhões. Empresa responsável – Odebrecht.
-
Aqueduto de Chaco (Argentina): Valor da obra – US$ 180 milhões do BNDES. Empresa responsável – OAS
-
Soterramento do Ferrocarril Sarmiento (Argentina): Valor – US$ 1,5 bilhões do BNDES. Empresa responsável – Odebrecht.
-
Linhas 3 e 4 do Metrô de Caracas (Venezuela): Valor da obra – US$ 732 milhões. Empresa responsável – Odebrecht.
-
Segunda ponte sobre o Rio Orinoco (Venezuela): Valor da obra – US$ 1,2 bilhões (US$ 300 milhões por parte do BNDES). Empresa responsável – Odebrecht.
-
Barragem de Moamba Major (Mocambique): Valor da obra – US$ 460 milhões (US$ 350 milhões por parte do BNDES). Empresa responsável – Andrade Gutierrez.
-
Aeroporto de Nacala (Moçambique): Valor da obra – US$ 200 milhões ($125 milhões por parte do BNDES). Empresa responsável – Odebrecht.
-
BRT da capita Maputo (Moçambique): Valor da obra – US$ 220 milhões (US$ 180 milhões por parte do BNDES). Empresa responsável – Odebrecht.
-
Hidrelétrica Tumarím (Nicarágua): Valor da obra – US$ 1,1 bilhão (US$ 343 milhões). Empresa responsável – Queiroz Galvão.
-
Projeto Hacia El Norte – Rurrenabaque-El-Chorro (Bolívia): Valor da obra – US$ 199 milhões. Empresa responsável – Queiroz Galvão
-.
Abastecimento de água da capital peruana – Projeto Bayovar (Peru): Valor não conhecido. Empresa responsável – Andrade Gutierrez.
-
Renovação da rede de gasoduto em Montevideo (Uruguai): Valor não informado. Empresa responsável – OAS.
-
Existem mais 3000 (três mil) empréstimos concedidos via BNDES apenas no período entre 2009 e 2014, porém nem o BNDES nem e o Governo Federal fornecem valores
-
Integra :
http://leonardosarmento.jusbrasil.com.br/artigos/171125726/bndes-patrocina-ideologia-partidaria-do-governo-enriquece-protagonistas-do-sistema-e-empobrece-o-brasil-descortinando-seu-veu-protetor

Anônimo disse...

O que vimos até o presente é apenas a pontinha do iceberg

“BNDES patrocina ideologia partidária do Governo, enriquece protagonistas do sistema e empobrece o Brasil? “Descortinando seu véu protetor!”
“Não é novidade para ninguém que o Brasil tem indeclinável problema grave de infraestrutura. Diante dessa questão, o que faz o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES)? Financia portos, estradas e ferrovias – não exatamente no Brasil.
Desde que Guido Mantega deixou a presidência do BNDES, em 2006, e se tornou Ministro da Fazenda, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social tornou-se peça chave no modelo de desenvolvimento proposto pelo governo. Desde então, o total de empréstimos do Tesouro ao BNDES saltou de R$ 9,9 bilhões — 0,4% do PIB — para R$ 414 bilhões — 8,4% do PIB”
Outra questão polêmica são os juros abaixo do mercado que o banco (BNDES) concede às empresas. Ao subsidiar os empréstimos, o BNDES funciona como uma Bolsa Família invertida, um motor de desigualdade: tira dos pobres para dar aos ricos. Explicando, capta dinheiro emitindo títulos públicos, com base na taxa Selic (11% ao ano), e empresta a 6%. Isso significa que ele arca com 5% de todo o dinheiro emprestado. Dos R$ 414 bilhões emprestados no ano de 2014, R$ 20,7 bilhões são pagos pelo banco. É um valor similar aos R$ 25 bilhões gastos pelo governo no programa Bolsa Família que atinge 36 milhões de brasileiros.”
"Existem mais 3000 (três mil) empréstimos concedidos via BNDES apenas no período entre 2009 e 2014, porém nem o BNDES nem e o Governo Federal fornecem valores"
-
Integra :
http://leonardosarmento.jusbrasil.com.br/artigos/171125726/bndes-patrocina-ideologia-partidaria-do-governo-enriquece-protagonistas-do-sistema-e-empobrece-o-brasil-descortinando-seu-veu-protetor

E os burros, nós, pagando a conta.

Anônimo disse...

E o caso da Rose Noronha, amiga íntima de Lula.

Desde 2012 corre, segundo noticias em segredo de justiça, por quê?

ROSE, amiga intima de lula e seus 25 milhões de euros.
http://www.alertatotal.net/2012/12/inteligencia-descobre-que-empresas.html
-
BACALHAU bilionário da Noruega.
http://www.alertatotal.net/2013/01/bacalhaugate-lula-teme-que-acao-anti.html
-
MENSALÃO aéreo,somente de LULA. Bilhões!
http://www.alertatotal.net/2013/04/mpf-investiga-mensalao-aereo-viagens.html
-
Perguntas do Prof. Villa, sem resposta.
http://www.youtube.com/watch?v=oFxFjzKjS9Y
-
E os US$ 2 bilhões do PT para investir na campanha eleitoral de 2014?
http://www.alertatotal.net/2014/01/pt-ja-tem-us-2-bilhoes-para-torrar-na.html

Se o povo não começar a ler seremos sempre um pais de manés.

Anônimo disse...

É a Máfia aliada à Camorra essa ralé moral comunista, escória da Humanidade. Mas, às vezes, eles nos divertem: Não tem preço ver o Lulladrão pulando na cadeira e cheio de tiques nervosos denunciadores das suas muitas mentiras e do escapismo diante de Sérgio Moro. O CORPO FALA, EX-PRISIDENTI! Na Venezuela os opositores, nas constantes manifestações contra o governo, estão contrapondo às armas da polícia e milícias “maduras” BOMBAS DE MERDA, isso mesmo! Pena que a coleta não dá para o gasto, já que a população anda passando fome... (lídia)

Anônimo disse...

Enquanto o povo brasileiro, ordeiro, trabalhador, enfrentava dificuldades, sem SAÚDE, EDUCAÇÃO, SEGURANÇA, etc.,o Brasil, entregue a esses FDP, com gastanças (a cumpanherada, que o diga), roubalheira,ficava à deriva, absolutamente entregue às raposas que tomavam conta do galinheiro. Como se não bastasse, ainda tem, meia dúzia de "jornalistas" vagabundos, a serviço dessa corja, distorcendo a verdade dos fatos, como, por exemplo, o depoimento daquele cidadão perante o EXCELENTE MAGISTRADO Dr. Sérgio Moro,ocorrido no dia 10.05, classificando-o de BOM. Essa praga de jornalista tem que ser banido do meio em que atua, pois presta um desserviço ao nosso país, com mentiras, inverdades, etc. etc.

Augusto disse...

Bolivianos “PTistas”.
https://www.facebook.com/luizaugusto.soutomaior/videos/1429386180417492/

Anônimo disse...

O TUCANALDO “MELA JATO” É UMA PEÇA

Reinaldo Azevedo, o Tucanaldo Mela Jato, é, desde sempre, o “oposicionista” de estimação do PT, dentro do embate farsesco que esse partido trava com PSDB. Farsesco, sim, já que ambos são de esquerda e vêm trabalhando juntos, em plena sintonia, pela crescente esquerdização de um país, cujo povo, no entanto, na sua grande maioria, é conservador.

È de estarrecer a leviandade, a desfaçatez e o cinismo com que ele vem investindo contra o Moro, o Deltan e a Lava Jato como um todo, usando, para tanto, os veículos de comunicação que o establishment político e empresarial colocou à sua disposição, nos ”trocentos” empregos que tem. De parceiro do PT num inverossímil telecatch político, tornou-se um bajulador descarado do poder que abriga, hoje, sob o manto da Mela Jato - pretensamente legalista - petistas, tucanos e pmdbistas, bem como os seus cúmplices nos demais partidos que infestam o país. Embora seja tão burro quanto o Lula, é mais esperto e ilustrado do que ele. Um perigo, portanto, ainda mais pelo fato de que engana muitos trouxas ao proclamar-se antipetista. Na verdade, foi sócio-fundador do PT e militante do comunismo trotskista, e tudo isso continua muito vivo dentro dele, enraizado no seu DNA..Não é de hoje, então, que ele perdeu a razão.

Profundamente desmoralizado, até mesmo perante aqueles que antes o seguiam, bovinamente, na pseudo-cruzada antipetista que travava, tornou-se um dos mais notórios vilões das redes sociais e, como seria próprio de um insano, culpa a direita - a “xucra”, não domada pelo PSDB, e não a “xupa”, que é desse partido e da qual ele faz parte -, o Moro e a Lava Jato pela sua desmoralização e pelas suas crescentes desditas. “Moro desrespeitou a lei”, “Moro cometeu abuso de poder” (gostou Renan? Gostou, Requião? gostou, Gilmar?), “Lula o venceu nas ruas e no tribunal”, “Lula não culpou Dona Marisa”, a falecida, “não há provas de que o tríplex seja do Lula”, e por aí afora, que o “Mela Jato” não tem medo e nem vergonha de ser ridículo. Prova disso é que, quanto mais desperta opiniões em contrário, mais certo ele se julga, como qualquer maníaco de pedra faria, e cava cada vez mais fundo no buraco sem fundo em que se meteu. Eu, hein!? Quem mandou darem escada pra maluco?

Vaidoso como é, a ponto de ter sido apelidado de “Deus” nos meios jornalísticos, compete com Lula da Silva, o alter ego dele. em santidade e sabedoria, e chora e range os dentes, em fúria, ao se dar conta de que foi publicamente desmascarado e de que é visto, hoje, como um reles desinformantezinho de esquerda pró-tucanos. De fato, sua sanha assassina contra a Lava Jato foi desencadeada a partir do momento em que, nas delações da Odebrecht, começaram a “pulular” nomes de tucanos, que são, agora, os seus investigados de estimação. A partir daí, subiu nas tamancas, agitou, freneticamente, suas plumas e paetês, numa cenografia tão especial que já se tornou um meme da Jovem Pan, e proclamou, entre gritinhos histéricos: “Eu, hein, Carlos Alberto!? Dêxa o Moro comigo!”

É, gente, o Tucanaldo “Mela Jato” é mesmo uma peça! E, volto a dizer, não é de hoje que ele perdeu a razão.

Lucas Daniel

Anônimo disse...

Viram essa?

http://www.ilisp.org/noticias/empresa-privada-americana-doa-r-300-milhoes-em-tecnologia-para-escolas-de-sao-paulo-assista/

Agora vamos ver a reação da esquerda radical! Algo do tipo
"os zamericanus malvados estaum tumando conta da nossa educassao! Vamos diser naum ao imperizalismu! Viva o inssinamento de Paulo Freire!"


Cavallier Bus disse...

Por isso que os bancos financiam nada para o povo. Eles elegeram os saqueadores do país para fazer a trolotadas da maçonaria...

Alexandre, The Great disse...

Na minha opinião era uma espécie de "apanhador", um arrecadador de recursos para o PSUV (o pt venezuelano).

Anônimo disse...

Tenho minhas dúvidas quanto ao povo brasileiro “ordeiro e trabalhador”, O que vejo diariamente é algo pouco diferente, se não presenciasse não acreditaria. Claro que existem pessoas sérias, cumpridoras de seus deveres, faço parte desse seleto grupo. A grande maioria está muito longe disso e não é por ser ignorante, é porque é malandro mesmo. A corrupção está em todos os níveis , há os que furtam energia, deixam rodar o ar condicionado 24h, ligações clandestinas água é normal até se orgulham por desperdiça-la, os bolsa família com celulares de ultima geração tem o direito de receber sem trabalhar, famílias cada vez mais numerosas e eu não tenho o direito de opinar. Futebol e carnaval é festa o ano todo. Se o povo não estivesse sentindo no bolso, pessoas como o Lula , o operário mais honesto do mundo, se perpetuaria no poder. Aliás tem gente que jura que foi o melhor governante nos últimos anos, nem desconfiam que esse miserável, foi premiado com os melhores anos da economia mundial e seu governo foi pífio. O único feito de lula, minúscula mesmo, foi institucionalizar a corrupção.
Uma pequena parcela, carrega o Brasil nas costas .

Anônimo disse...

No homemculto.com existem algumas fotos comprovando que Dom Oleo Lula de Peroba e D Marisa "detestavam" praia...
Sr Pantaleão: Marisa detestava praia, verdade, Terta?
Siiiiiiiiiiiimmmmmmmmmmmmm!

Anônimo disse...

Olá Aluízio, Boa tarde.
---
Notícia de ontem no O Antagonista:
-
"Cardozo diz que só avisou Dilma no dia da prisão"

Brasil 12.05.17 21:00
José Eduardo Cardozo soltou nota à imprensa rebatendo as acusações de Mônica Moura e João Santana e que só avisou Dilma Rousseff da prisão dos marqueteiros "quando da deflagração da operação, ou seja, no momento em que seria efetuada".
-----
http://www.oantagonista.com/posts/cardozo-diz-que-so-avisou-dilma-no-dia-da-prisao#comentarios
-----
QUE baita CONFISSÃO !, hein... e, nenhuma censura...
Acho que esse é que é o "PANTANAL de BRASÍLIA" que o Roberto falou...
-----
Bom fim de semana.
-----
ABC
-----

Anônimo disse...

E todos eles foram regiamente indenizados, porque as nossas Forças Armadas em 64, impediram que esse bando fizesse aqui o que os irmãos Castro fizeram em Cuba, implantar a Ditadura do Proletariado.
Até 2010 foram gastos mais de 4 Bilhões com a bolsa ditadura. Deve ser o único pais do mundo que indeniza terrorista.
“Paulo Abrão, presidente da Comissão de Anistia do Ministério da Justiça, considerou um “retrocesso” a revisão do valor de algumas indenizações pagas a “perseguidos políticos” ou a seus familiares.
É mesmo?
A indenização virou a farra do boi. Há alguns casos realmente fabulosos. O cartunista Ziraldo, que ficou rico com o jornal Pasquim, recebeu R$ 1 milhão a título de pagamento retroativo e tem pensão mensal de R$ 4.375. Por quê? Jaguar, seu amigo e sócio, não ficou tão rico porque, confessadamente, diz ter bebido tudo o que ganhou. A ditadura proibia as pessoas de dizer certas coisas, é verdade. Mas não impunha a ninguém que bebesse a própria fortuna. Millôr Fernandes, que também foi do Pasquim, não pediu indenização e afirma que luta contra a ditadura não era poupança. Na mosca.
A viúva de Carlos Lamarca foi indenizada e recebe uma gorda pensão. O homem era militar, desertou, matou seus pares. A comissão decidiu promovê-lo postumamente — como se tivesse competência pra isso —,antes de decidir o valor da prebenda. Promoção? Para Lamarca? Por que mesmo? Por serviços prestados ao Exército ou à causa comunista? A coisa toda é de um ridículo atroz.
Carlos Heitor Cony, que chegou a redigir um dos editoriais do Correio da Manhã em favor do golpe militar — isso é história — se disse perseguido porque demitido mais tarde. Recebeu pouco mais de R$ 1,4 milhão! E sua pensão mensal era de mais de de R$ 23 mil até outro dia. A quantas anda hoje, não sei. Terá ele aberto mão de tamanha generosidade? Seria o moral. Afinal, pouco depois da demissão, virou uma estrela do Grupo Manchete, com sala decorada com mármore rosa importando sei lá de onde — mas era podre de chique! —, numa revista que não dizia um “a” contra o regime, muito pelo contrário. Sua única veia de contestação, se assim se pode chamar, era uma fotinho de Adolfo Bloch abraçado a Juscelino, que tinha sido importante para a consolidação do grupo. Que eu saiba, Cony foi o mais premiado de todos. Justiça?
Indenização a quem realmente padeceu agruras quando já rendido por agentes do Estado? Compreendo, defendo e sou favorável. Indenização a quem refez plenamente a sua carreira e, em alguns casos, até ficou rico, ainda que por vias oblíquas, com a ditadura? É oportunismo da pior espécie. Indenização a quem pegou em armas (ou seus descendentes) para derrubar o regime, consciente dos riscos que corria, para matar ou morrer — e muitos mataram em vez de morrer? É uma indignidade.
Esse descalabro tem de ser revisto. Entre as indenizações pagas e as já aprovadas, o espeto passa de R$ 4 bilhões. E quem paga não é a ditadura. Quem paga é o povo brasileiro.
PS – Só para lembrar. Lula também recebe a prebenda. A grana passa de R$ 6 mil por mês. Por quê? Porque ficou 30 dias preso no começo dos anos 80 — aquela prisão junto com o “Menino do MEP”… Felizmente, não lhe tocaram num fio de cabelo. No de Lula, quero dizer. Estava construindo o PT, por meio do qual chegaria à Presidência da República, e jamais deixou de receber um mês de salário, pago primeiro pelo sindicato e depois pelo partido. Usou aquele evento para se fazer de mártir, grande militante, representante do povo e, finalmente, presidente.
Agora todo-poderoso, defende os regimes iraniano e cubano, entre outras tiranias, notórios por torturar e matar prisioneiros.

http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/a-empulhacao-da-bolsa-ditadura/


Anônimo disse...

Vergonhoso ver que essa mulher que queria implantar a Ditadura do Proletariado, teve a ventura de ser Presidente do nosso País,continua com os mesmos planos ,implantar a Ditadura de Cuba .

"Dilma Rousseff escolheu o codinome Iolanda para seu e-mail clandestino por causa da mulher do general Costa e Silva, Iolanda Barbosa.
Iolanda Barbosa foi primeira-dama do Brasil de 1966 a 1969. Naquela época, Dilma Rousseff estava na clandestinidade, na luta contra o regime militar.
O e-mail secreto para se comunicar com João Santana, na luta contra a Lava Jato, certamente recordou-lhe os tempos da clandestinidade.
Na luta armada, Dilma Rousseff participou do assalto ao cofre de Adhemar de Barros. No poder, ela participou do assalto ao cofre da Petrobras.
Um mês depois que Iolanda Barbosa saiu do Palácio do Planalto, Dilma Rousseff foi presa. Ela será presa novamente agora, 47 anos mais tarde, por causa do e-mail em nome de Iolanda Barbosa.
Os marxistas gostam de dizer que a história se repete como farsa. Nunca houve um caso mais flagrante do que esse."

Fonte:
http://www.oantagonista.com/posts/dilma-rousseff-de-volta-a-clandestinidade

O Contragolpe de 64, quando as nossas Forças Armadas impediram um banho de sangue no nosso País.

https://www.youtube.com/watch?v=nMiELBPvLgI




Marcelo Rodrigues Cunha disse...

O blog sujo do tucanaldo azevedo é uma poça de lama de mentiras contra os Patriotas e uma defesa canalha de lula e dos quadrilHeiros do PT PSDB PMDB. OS bilhões roubados do trabalhador Brasileiro servem para campanhas politicas de gangsters como lula dilma maduro e chavez alem de bancar ditadores como castro em cuba e programa nuclear do Iran.